ENSINO 21/09/2020 18h17

Prefeitos podem autorizar retorno presencial nos níveis Médio, Técnico e Superior

Pelo calendário proposto pelo governo do Estado, aulas podem retornar a partir desta segunda-feira. Data não vale para a rede pública estadual

Pelo calendário definido no início do mês pelo governo do Estado, a partir desta segunda-feira, 21, os prefeitos dos municípios gaúchos podem autorizar o retorno das aulas presenciais nos níveis Médio, Técnico e Superior de ensino. A liberação a partir desta segunda não se aplica à rede pública estadual, para a qual o governo previu o retorno em 13 de outubro.


A partir desta segunda, as atividades deixam de ser proibidas pelo Executivo do Rio Grande do Sul nas regiões que estão há duas semanas em bandeira laranja ou amarela no modelo de distanciamento controlado. Das 21 regiões do modelo, 13 se enquadram nesta regra, o que inclui toda a macrorregião dos Vales, com os conjuntos de municípios referenciados por Santa Cruz do Sul, Cachoeira do Sul e Lajeado.

LEIA MAIS: Mapa definitivo tem quatro regiões do Estado em vermelho

A liberação para a volta da Educação Infantil já ocorreu no dia 8 de setembro. O governo ressalta que os prefeitos que entenderem que não há condições de segurança para a retomada têm autonomia para manter a proibição. Os responsáveis pelos estudantes e as escolas também podem decidir manter as crianças e jovens em casa ou as instituições de portas fechadas.

LEIA MAIS: ACOMPANHE A COBERTURA COMPLETA SOBRE O CORONAVÍRUS