Conheça 22/11/2020 15h33

Cândido Pritsch: a escola dos prefeitos de Vera Cruz

Em Linha Tapera, o ex-prefeito Heitor Petry, o eleito Gilson Becker e o atual prefeito Guido Hoff têm histórias em comum

Quase esquecida em meio ao pó da estrada de chão de Linha Tapera, a antiga Escola Municipal de Ensino Fundamental Henrique Cândido Pritsch guarda um capítulo à parte na história de Vera Cruz. Ela é a escola dos prefeitos, pois pelo menos três passaram pelas turmas multisseriadas da instituição, que sobrevive ao tempo e revela um passado de amor pela educação. Nessa escola estudaram, do primeiro ao quarto ano, o ex-prefeito Heitor Petry e o prefeito eleito no domingo passado, Gilson Adriano Becker. O atual chefe do Executivo, Guido Hoff, iniciou sua vida pública como professor da Cândido Pritsch.

Nos antigos diários de classe, a atual diretora, Joana Cláudia Wink Sehnem, encontra o nome de personagens ilustres do município. Em um deles, que era de propriedade da sogra dela, a professora aposentada Liane Maria Petry Sehnem, está o nome do então pequeno Gilson Adriano Becker, matriculado no primeiro ano, em 1986. “Ele só cresceu e se desenvolveu. Eu olho para estes corredores e enxergo o mesmo Gilson. Atencioso, dedicado aos estudos”, revelou a professora Liane.

LEIA TAMBÉM: “O povo pode esperar muito trabalho”, diz Gilson Becker

Gilson Becker, eleito domingo, outro aluno | Foto: Lula Helfer

Ela lecionou durante 19 anos na Cândido Pritsch. Nesse período, alfabetizou o prefeito eleito e deu aula para Heitor Petry na quarta série. “Ele também era muito bom aluno. Era uma liderança, tratava todos bem e se envolvia nas questões da escola”, recordou.

No tempo em que Petry e Becker eram guris, Liane conta que na Cândido Pritsch era tudo diferente. Os alunos eram mais tranquilos, dava para levar as crianças na horta da escola sem fazer bagunça, por exemplo. O educandário era um dos pontos mais importantes naquela comunidade; tanto é verdade que, das redondezas, é a única instituição de ensino que segue em atividade, hoje com 65 anos, da pré-escola ao 5º ano do Ensino Fundamental. São turmas multisseriadas, ainda.

Com a escola fechada, por causa da pandemia do novo coronavírus, a professora Liane se reencontra com sua mesa, usada na época para fazer a chamada e guardar seus materiais. O quadro mudou, as carteiras não são
mais as mesmas. O prédio ficou melhor; na época em que Liane era aluna, a escola era de madeira. Há computadores, brinquedos e internet. Porém, ensinar continua muito parecido. “Uma escola sempre é um lugar de histórias. Atendendo à Gazeta do Sul, descobrimos uma parte quase esquecida, da qual nem temos fotografias”, lamenta Joana, a atual diretora. Ao lado da sogra, ela olha com alegria para a escola dos prefeitos de Vera Cruz.

LEIA TAMBÉM: “Fortalecer a economia local é essencial para sair da crise”, diz presidente do Corede

Heitor Petry: o ex-prefeito estudou ali

Guido, o professor linha-dura
O ano era 1963 e na época Liane, que só tinha o sobrenome Petry, estava
no primeiro ano. Pela janela, ela via o professor Guido se aproximando
vagarosamente, espreitando os alunos dentro da sala de madeira. “Ele
chegava bem devagarinho, só para ver o que estávamos fazendo”, disse.

Hoff foi quem alfabetizou a professora, e ela é muito grata por isso. “Ele exigia muito da gente. Depois que a aula acabava, ele ia atrás de nós, de bicicleta, uma vez para um lado, outra vez para outro lado.”

Essa história o chefe do Executivo de Vera Cruz já contou, quando chamou
a Gazeta para anunciar a sua aposentadoria. O que ele não imagina é que,
em seus diários de classe da década de 1960, ainda preserva o nome dos seus alunos, que, como Liane Maria, são imensamente gratos a ele. A professora lembra de uma época cheia de saudade, com memórias afetivas de infância. “Ele gostava de ir na nossa casa, comer galinha recheada. Até hoje ele comenta”, diz a professora Liane.

Hoff chegava tinha o costume de chegar vagarosamente, espreitando os alunos dentro da sala de madeira | Foto: Alencar da Rosa/Arquivo

LEIA TAMBÉM: O fim de uma era em Vera Cruz: Guido Hoff vai se aposentar