Pandemia 22/02/2021 12h52

Governador avalia pedidos de municípios para manutenção da gestão compartilhada

Eduardo Leite participou na manhã desta segunda-feira, 22, de uma reunião com prefeitos de 18 associações; decisão será divulgada à tarde

O governador do Estado, Eduardo Leite (PSDB), participou na manhã desta segunda-feira, 22, de uma reunião com prefeitos de 18 associações municipais para tratar sobre a continuidade do modelo de cogestão no distanciamento controlado. A decisão será tomada na tarde desta segunda, após a reunião com o Gabinete de Emergências.

O prefeito de Vale do Sol, Maiquel Silva (Progressitas), é o presidente da Associação dos Municípios do Vale do Rio Pardo (Amvarp) e pediu que a flexibilização da cogestão seja mantida. “Queremos a manutenção deste modelo, pois em muitos municípios o número de casos não é tão grande. Estamos comprometidos com o controle das aglomerações, mas precisamos manter a economia”, disse.

LEIA MAIS: Estado divulga nesta segunda se aceita a cogestão no Vale do Rio Pardo

Após ouvir a manifestação de 18 regiões, o governador prometeu tratar do tema com o Gabinete de Crise, em reunião que ocorre na tarde desta segunda-feira. “Não é falso este alerta, estamos falando de uma situação que é crítica e precisa da conscientização de todos. Se optarmos pela cogestão, as prefeituras terão que se comprometer realmente em evitar as aglomerações”, destacou Leite.

LEIA MAIS: Prefeitos decidem não entrar com recurso e defendem cogestão

O governador disse que serão levados em consideração os pedidos dos prefeitos e que, se for permitida a manutenção da cogestão, podem ocorrer novas restrições quanto ao funcionamento de estabelecimentos noturnos, com ampliação do horário de restrição, fixado desde a última sexta-feira, 19, a partir das 22 horas.

Entre os pedidos dos prefeitos, também está a liberação das aulas nas creches. Sobre a educação, o governador não se pronunciou, destacando que as novas regras serão divulgadas na tarde desta segunda-feira.

LEIA MAIS: ACOMPANHE A COBERTURA COMPLETA SOBRE O CORONAVÍRUS