Santa Cruz 01/03/2021 18h39

Helena Hermany assina novo decreto com regras durante a bandeira preta

Entre as mudanças, está o funcionamento de feiras rurais, templos e igrejas

A prefeita Helena Hermany assinou, no final da tarde desta segunda-feira, 1º, um novo decreto, com ajustes nas medidas para o enfrentamento da pandemia durante a classificação de bandeira preta.

LEIA MAIS: Após lockdown, seguem as regras da bandeira preta em Santa Cruz; veja quais são

Confira quais são:

Feiras rurais: podem funcionar evitando aglomerações, filas e com uma pessoa, com máscara, para cada oito metros quadrados de área útil de circulação, respeitando limite do PPCI. Em caso de lockdown, estão proibidas.

Seções isoladas: em estabelecimentos devidamente licenciados, que comercializem produtos essenciais e não essenciais, as seções dos produtos não essenciais devem estar isoladas e a sua comercialização ficará proibida, sempre que houver situações de bandeira preta, conforme o Modelo do Distanciamento Controlado, bem como em caso de lockdown.

Religião: fica permitida a abertura de Templos e Igrejas para realização de atendimento individual, com agendamento prévio, limitado a uma pessoa atendida e dois atendentes (padres, pastores, dentre outras denominações de credo). Missas, cultos e similares seguem permitidas apenas no formato de live.

Clínicas de estética e emagrecimento: proibido o funcionamento em bandeira preta.

Prática desportiva profissional: o Comitê Gestor poderá autorizar a prática desportiva profissional no Parque da Oktoberfest.

>> Acesse aqui o novo decreto completo.

LEIA MAIS: ACOMPANHE A COBERTURA COMPLETA SOBRE O CORONAVÍRUS