MARCOS RIVELINO 24/12/2020 16h33

Para a história

A relação do jovem presidente Tiago Rech com seu clube de coração poderia ser tema de filme

O FC Santa Cruz é campeão estadual pela primeira vez. Título pra lá de merecido. Parabéns a todos os campeões.

Nível nacional

Em tempos de redes sociais, onde a comunicação é instantânea, a relação do jovem presidente Tiago Rech com seu clube de coração poderia ser tema de filme. Do solitário torcedor no Olímpico, na derrota para o Grêmio no Gauchão de 2012, para a inédita galeria de presidentes, o único com título estadual, com o clube ainda na Terceirona Gaúcha. Uma façanha pra poucos neste mundão do futebol afora.

Sangue de vencedor

Wiliam Campos tem no seu DNA esportivo a tranquilidade e humildade do pai, Beto Campos. Esse título passou pelo seu conhecimento na formação do elenco e a capacidade de mobilizar os os jogadores, dos jovens aos veteranos. Um grande trabalho de todos nos Plátanos. Parabéns. Feliz Natal a todos.

Canta, torcedor!

Em 1913, debaixo de
um céu muito azul,
nasceu o esporão de ouro
nos verdes campos do sul.

Hoje, o Rio Grande inteiro
rola vencido, a teus pés.
Os plátanos são teu terreiro
e todos sabem quem és.

Galo! Me chamam Galo!
Preto e Branco, tuas cores.
E vamos sempre amá-lo
clube dos nossos amores.

Teus torcedores te adoram, vibram com grande emoção.
Fica eterna, te imploram do fundo do coração.

Galo! Me chamam Galo!
És o clube mais amado
na derrota ou na vitória
Estamos sempre ao teu lado
com o peito cheio de glória

Homens fiéis, decididos,
fizeram a tua história,
mesmo que tenham partido,
vivem na tua memória.

LEIA OUTRAS COLUNAS DE MARCOS RIVELINO