Fora da disputa 14/01/2019 17h32 Atualizado às 19h39

Filho de santa-cruzense revela o motivo de ter sido desclassificado do BBB

Fábio Alano afirmou que ficou "triste e decepcionado" pela eliminação do programa antes mesmo de ter entrado na casa

O lutador de MMA e filho de santa-cruzense Fábio Alano, de 27 anos, que havia sido selecionado para participar do reality show Big Brother Brasil 19, explicou o motivo pelo qual foi desclassificado do programa da TV Globo.

Ele confirmou que a saída ocorreu por conta de trâmites relacionados ao patrocinador, a marca fitness Oden Athletics. "Eu tinha um contrato vigente que eu não acabei comunicando à emissora, porque foi tudo em cima da hora, com muita intensidade, muita informação chegando. Só que [a emissora] acabou percebendo que isso violava as cláusulas contratuais do programa, e isso infelizmente gerou a minha eliminação", justificou.

LEIA MAIS
Família confirma que gaúcho está fora do BBB 2019
Gaúcho no BBB, filho de santa-cruzense e atleta: quem é Fábio Alano

 

Alano ainda destacou que há muitos boatos sobre a desclassificação. Por isso, pediu cautela. "Tem muita especulação, tem muita gente dizendo muita coisa. Quero dizer que minha patrocinadora atual não tem culpa nenhuma e foram as pessoas que mais me ajudaram em todo esse processo", complementou.

Na sexta-feira, 11, os pais de Fábio haviam concedido uma entrevista à Rádio Gazeta para falar sobre a expectativa de ver o filho na televisão. Uma equipe do BBB já havia feito gravações no apartamento da família em Porto Alegre e o lutador viajou para o Rio de Janeiro no último dia 6, para ficar confinado antes de entrar na casa.

LEIA MAIS
Como o filho de santa-cruzense foi parar no Big Brother
Filho de santa-cruzense está no Big Brother Brasil 2019

 

Após desclassificar o gaúcho, a Globo se limitou, em um comunicado, a dizer que "tomou conhecimento de fatos relacionados ao participante avaliados como inadequados ao perfil dos competidores do BBB conforme o regulamento do programa".