Dica de leitura 26/06/2020 20h43 Atualizado às 22h41

Ler faz muito bem: a vida de uma cidade romana

Obra conta a história de Pompeia, a cidade que foi tomada pela lava do Vulcão Vesúvio

Em tempos de quarentena, a Gazeta do Sul indica um livro por dia, propondo uma leitura instrutiva e aprazível, para viajar pelo mundo sem sair de casa.

Dica de hoje:

POMPEIA: A VIDA DE UMA CIDADE ROMANA, de Mary Beard. Tradução de Maria Cristina. Rio de Janeiro: Record, 2016. 420 p. R$ 56,00.

LEIA MAIS: Ler faz muito bem: para conhecer a origem de uma iguaria germânica

Em 79 d.C registrou-se uma grande catástrofe. O vulcão Vesúvio, próximo a Nápoles, na Itália, entrou em erupção sem que houvesse tempo para a população da cidade vizinha de Pompeia ser evacuada. O resultado foi que o mar de lava veio tão rápido, que pegou a maior parte da cidade desprevenida, soterrando-a da forma como se encontrava.

LEIA MAIS: Ler faz muito bem: o universo dos clubes de leitura

Ao longo dos séculos, e apesar dos saques a bens, inúmeros pesquisadores puderam montar uma ideia muito clara de como era a rotina numa cidade romana no começo da era cristã. E, o mais impactante: tudo era muito, muito parecido com as prioridades e o estilo de tomada de decisão contemporânea.

LEIA MAIS:
Ler faz muito bem: o destino para além da Terra
Ler faz muito bem: a linguagem do povo moçambicano