'As andorinhas' 14/09/2020 15h16 Atualizado às 15h36

Trio Parada Dura: Parrerito morre aos 67 anos com Covid-19

O vocalista estava internado em um hospital de Belo Horizonte desde o dia 29 de agosto

O cantor Parrerito, do Trio Parada Dura, morreu na noite desse domingo, 13, em decorrência da Covid-19. O vocalista, que tinha 67 anos, estava internado em um hospital de Belo Horizonte desde o dia 29 de agosto. Dois dias depois, teve um mal súbito e precisou ser entubado.

A informação foi confirmada pelo grupo em publicação nas redes sociais. “Por ser do grupo de risco pela idade e diabético, precisou ser mantido na UTI em estado grave. Batalhou muito, mas infelizmente não resistiu às complicações da doença”, diz o texto.

A equipe agradeceu as orações e pensamentos positivos do público pela saúde de Parrerito. “Elas mostraram o quanto ele era tão querido e estimado por todos. E é desta forma que vamos sempre lembrar dele. Igual à andorinha, Parrerito parte voando e deixa um Brasil inteiro já com saudade de sua voz que por quase quatro décadas marcou gerações no Trio Parada Dura.” Parrerito deixa enlutadas a esposa, filhas e netas.

LEIA TAMBÉM: Morre o ator e dublador Pietro Mário, a voz do Rafiki, de Rei Leão

Sertanejos lamentam a morte

Nesta segunda-feira, 14, cantores sertanejos usaram as redes sociais para publicar homenagens ao cantor Parrerito. O cantor Daniel citou a importância do grupo na carreira: “Mais uma grande referência para mim nos deixa para viver em outro plano! Trio Parada Dura sempre foi uma das minhas inspirações. Para todos nós, uma grande perda!”

“Foram tantos ensinamentos e momentos inesquecíveis ao seu lado. Obrigado, Parrerito, por tudo que fez por mim, meu eterno irmão, e por nossa música sertaneja. Descanse em paz”, escreveu Leonardo. Já Luciano, da dupla com Zezé Di Camargo, escreveu: “Descanse em paz. Sua voz ficará para sempre em nós, amantes da música sertaneja.”

A dupla Chitãozinho e Xororó também homenageou Parrerito: “A música sertaneja perdeu uma grande voz. Deixamos aqui o nosso muito obrigado. Fica a lembrança eterna de sua história na música e no coração de todos nós.”

Outros sertanejos como Gusttavo Lima, Belutti (da dupla com Marcos) e as duplas João Neto e Frederico e João Bosco e Vinícius lamentaram a morte de Parrerito nos comentários da publicação sobre a morte no Instagram.
“Que Deus o tenha… Descanse em paz grande Parrerito!!!”, escreveu Gusttavo Lima.

LEIA TAMBÉM
Série da Globo sobre relacionamentos na pandemia estreia nesta terça
Superlives criam única receita do meio musical em tempos de Covid-19


O perfil oficial de João Bosco e Vinícius trouxe o seguinte texto: “força amigos, fará muita falta entre nós, a música sertaneja deve muito a vocês, irmãos ” Os sertanejos Leonardo, Jorge e Mateus e Bruno e Marrone receberam a notícia enquanto faziam uma live na noite desse domingo. Minutos antes, na mesma transmissão, Leonardo havia pedido orações para o colega de profissão.

“Todos os amantes de música sertaneja do Brasil sabem que o maior trio de uns 50 anos para cá foi o Trio Parada Dura”, disse o cantor. “Hoje o Brasil e o mundo da música sertaneja têm a lacuna de um âncora que puxava todos nós.” Os cinco homenagearam Parrerito com a canção “As Andorinhas”.