RODRIGO VIANNA 16/10/2020 20h40

Liderança

Olhando para a tabela, chegamos à conclusão de que as críticas são excessivas diante dos números

Brigar pela ponta nunca foi fácil, ainda mais quando se tem adversários qualificados e com mais poder de investimento. Claro que falo de Atlético-MG e Flamengo. Diante desse cenário, o Colorado faz bonito, mantém aproveitamento acima de 60% e mesmo com desfalques já vem algum tempo nesse patamar. Olhando para a tabela, chegamos à conclusão de que as críticas são excessivas diante dos números.

Rendimento
O Grêmio melhorou, não muito, mas melhorou. O complemento necessário do rendimento pode chegar com a sequência e a volta de Kannemman e Jean Pyerre. Outro fator que deixa o time melhor, sobretudo do meio para a frente, é a presença de Maicon, sem dúvida uma referência técnica.

100%
Manter os 100% da última quarta-feira. Tomara que a rodada do final de semana seja assim. São Paulo e Vasco, os adversários de Grêmio e Internacional, respectivamente, são, na teoria, melhores em relação a Botafogo e Sport Recife, mas acredito que duas vitórias podem se repetir. Sobre cansaço e desfalques, isso já é natural, a parte boa é que isso vale pra todos, até para os rivais da dupla.

Copinha
O futebol gaúcho está ensaiando uma Copinha para começar no mês de novembro. Nada ainda é oficial, mas os clubes já falam sobre isso nos bastidores. Se sair, tomara que tenhamos a presença da dupla Ave-Cruz. O Galo, inclusive, já se mexe para a disputa. Seria um lucro em meio ao ano conturbado. Resta saber se os times terão apoio financeiro da Federação Gaúcha de Futebol.