Esportes 08/01/2018 09h33

O amistoso

A boa presença de público nos Eucaliptos demonstra que a torcida do Periquito está confiante na equipe

A boa presença de público nos Eucaliptos demonstra que a torcida do Periquito está confiante na equipe. Dentro de campo, no primeiro tempo, o Avenida não foi bem. Mostrou alguns erros de passes e conflitos no posicionamento, o que propiciou o melhor desempenho ao Cruzeiro. Para o segundo tempo, o treinador fez algumas alterações no intervalo e a equipe melhorou, fazendo um gol. Tanto o Avenida como o Cruzeiro mexeram muito. A descaracterização, em vista das mudanças, deixou o jogo mais aberto e movimentado. O amistoso permite este tipo de estratégia para observação. Tanto Daitx como Ben Hur Pereira puderam tirar suas conclusões. A vitória não significa superioridade em um jogo equilibrado, de pouca qualidade. O elenco, num primeiro momento, parece qualificado. 

Opção

A contratação de Paulo Miranda objetiva ter no grupo um zagueiro mais próximo em qualidade à zaga titular, formada por Pedro Geromel e Kannemann. O novo reforço também pode ser utilizado na lateral direita.

Definição

Odair Hellmann acena com uma definição de time titular praticamente idêntica ao do ano passado. Apenas a entrada de Dudu no lado direito parece ser a modificação mais expressiva para começar o Gauchão contra o Veranópolis. Com a saída de Eduardo Sasha para o Santos, Camilo será o companheiro do D’Alessandro no meio-campo.
 
Esta opção parece confirmar a falta de novas contratações que deixariam o elenco mais qualificado. Outro detalhe: o Gauchão será um teste não só para a composição dos jogadores, mas para uma melhor avaliação da comissão técnica. É o que veremos a partir do próximo dia 18.