Esporte 17/09/2018 01h35 Atualizado às 10h13

Na Arena

O Grêmio entrou em campo na Arena com um time reserva para enfrentar o lanterna do Brasileirão

Com os olhos voltados para esta terça-feira, o Grêmio entrou em campo na Arena com um time reserva para enfrentar o lanterna do Brasileirão. Tarefa fácil. O importante é se manter vivo na tabela. A vitória garantiu essa condição. A opção por uma equipe reserva tem sido o escape do técnico Renato Portaluppi quando tem compromissos mais interessantes como a Libertadores na Argentina. A grande novidade foi a entrada de Juninho Capixaba na lateral esquerda. Junto com Alisson, foi o destaque da vitória sobre o Paraná. Além da boa atuação, o jogador que veio do Corinthians fez um dos gols na vitória por 2 a 0. O Grêmio espera ansioso o jogo contra o Atlético Tucumán para seguir forte no torneio continental.

Em Chapecó
O Internacional vai a Chapecó sabendo que, se empatar, reassume a liderança, e se vencer, tira dois pontos do São Paulo. O jogo é muito difícil e Odair Hellmann terá de encontrar um substituto para Rodrigo Dourado, um dos destaques na campanha colorada no Brasileiro. Gabriel Dias é a opção mais evidente. No primeiro turno, o Inter venceu a Chapecoense por 3 a 0 no Beira-Rio.

Vitória alviverde
O empate em Tramandaí não ofuscou a campanha do Avenida na Copinha. O jogo desse domingo pela manhã nos Eucaliptos projetava uma vitória contra o lanterna da chave. Acabou acontecendo, porém não com facilidade. O primeiro gol saiu aos 9 minutos do primeiro tempo num belo contra-ataque do Avenida. A opção de esperar o adversário deixou o jogo ruim. O segundo tempo teve intensidade e deu vida às duas equipes. O Coloradinho empatou, mas valeu mais uma vez o contra-ataque alviverde para consolidar a vitória. O Avenida continua líder.