Zé Ferreira 02/02/2019 02h46 Atualizado às 14h04

Vitória inadiável

As rodadas deste e do próximo fim de semana marcam a metade da primeira fase do Gauchão e depois delas restarão cinco jogos para cada clube definir o seu futuro dentro do campeonato

As rodadas deste e do próximo fim de semana marcam a metade da primeira fase do Gauchão e depois delas restarão cinco jogos para cada clube definir o seu futuro dentro do campeonato. O Avenida precisa vencer nesta segunda-feira para ingressar na zona de classificação para as quartas de final antes de encarar a sua sequência de compromissos mais difícil na competição. Depois de receber o Pelotas, sairá para enfrentar o Grêmio na Arena, domingo que vem, quando até a taça da Recopa Gaúcha estará em jogo, e o São Luiz em Ijuí, uma semana depois. Entre estas duas partidas, terá a visita do Guarani, de Campinas, em sua estreia na Copa do Brasil, um jogão. E no dia 24, será a vez do Internacional desembarcar nos Eucaliptos. Todos os avenidenses estão ansiosos pela primeira vitória na temporada oficial e ela vai acontecer nesta segunda-feira. Quem puder, vá ao estádio vencer junto com o Avenida. Chegou o momento e o time tem de dar a resposta positiva!
 

Sobras e tropeços

O Grêmio chega nesta metade da primeira fase com sobras, tendo os melhores números em pontos, vitórias, gols marcados e sofridos e saldo. Lidera o campeonato sem ter enfrentado grandes dificuldades seja com reservas ou titulares, para a alegria da massa tricolor. O Internacional patina na sétima colocação e deixa a massa colorada aflita. Tem uma turma que não vê o Estadual como parâmetro para competições maiores, mas um começo torto é ruim sim, pois arrumar a casa depois costuma custar caro e nem sempre dá bom resultado. Aliás, uma curiosidade: o Gauchão foi decidido em Gre-Nal somente em dois dos seis últimos anos e há três só um ou outro da dupla chegou na decisão. Força do interior ou desleixo dos gigantes?
Bom fim de semana.