Zé Ferreira 09/03/2019 00h21 Atualizado às 17h16

Conta do desgaste

Parte significativa do elenco do Periquito agora sente os efeitos da correria

O histórico fevereiro na vida do Avenida cobrou a conta. Com uma sequência de cinco jogos intensos no mês passado, onde enfrentou clubes campeões brasileiros e mundiais, parte significativa do elenco do Periquito agora sente os efeitos da correria. O desgaste levou a lesões justamente num momento delicado para o clube no Gauchão, onde precisa vencer os três compromissos da primeira fase para escapar do rebaixamento para a Divisão de Acesso e ainda agarrar uma vaga nas quartas de final. A situação da tabela se deve aos pontos perdidos lá no começo tanto em casa como fora. E, em fevereiro, faltou a proteção da Federação Gaúcha para evitar o desgaste excessivo de um filiado seu que disputava um torneio nacional. Agora é superar de todas as formas a dureza desta reta final.

Dupla empolga

Grêmio e Internacional entraram bem na Libertadores e são favoritos a avançar de fase. A partir das oitavas de final, o caldo engrossa, mas é preciso confiar que, jogo a jogo, ambos evoluam e cheguem longe na competição, de preferência lá em Santiago do Chile. Bom fim de semana.