Esporte 09/10/2019 23h53 Atualizado às 09h32

Revisão da revisão

A polêmica pesou sobre o sistema de revisão de lances de jogo no vídeo, o famoso VAR

A polêmica pesou sobre o sistema de revisão de lances de jogo no vídeo, o famoso VAR. A arbitragem brasileira tem conduzido com muita dificuldade o uso de uma tecnologia que chegou para ser um poderoso auxiliar nas decisões e a gritaria é geral, mas sempre quando alguém se sente prejudicado. A comissão de arbitragem da CBF produziu cartilhas, ofereceu treinamentos aos juízes e palestrou para atletas e treinadores durante meses, mas o resultado na prática tem sido desastroso. Parece até de propósito, mas não quero acreditar que seja isso. Essa comissão precisa admitir que o VAR no Brasil não está bem e tratar de revisar logo a condução do sistema. E já pode pensar em uma forma de oferecer as verificações e as conversas entre os árbitros para o público tanto do estádio quanto da televisão no momento em que elas acontecem. Chega de confusão e polêmica sem solução.

Rumo a Tóquio
Revelação do professor Jorge Peçanha no antigo projeto de atletismo da Unisc há 14 anos, a Fernanda Raquel Borges é um dos destaques nacionais no lançamento do disco. Nesta temporada, ela subiu nos pódios do Pan de Lima e do Troféu Brasil e, na semana passada, colocou-se como a sexta melhor atleta do Mundial de Doha, no Catar, beliscando o Top 5. Disputou a Olimpíada do Rio em 2016 e está segura de que pisará na de Tóquio no ano que vem. Muito torcida por essa santa-cruzense de fibra.

Pista da Unisc
A universidade e a Prefeitura fecharam uma parceria, e a pista atlética da instituição de ensino fica aberta ao público até as 20 horas durante a Oktoberfest, já que o Estádio Municipal está ocupado. Beleza pura! Vai lá!
Bom fim de semana.