TRIBUNA 22/11/2020 14h50

Rodízio

A ideia é tentar um consenso que envolva todas (ou a maioria) das bancadas para evitar disputas traumáticas

Após dez partidos terem eleito representantes para a próxima legislatura da Câmara de Santa Cruz, Henrique Hermany, que ocupará uma das cadeiras do PP, vai propor um inédito sistema de rodízio partidário na presidência ao longo dos quatro anos, a exemplo do que ocorre há muito tempo na Assembleia Legislativa. A ideia é tentar um consenso que envolva todas (ou a maioria) das bancadas para evitar disputas traumáticas, como as que ocorreram nos últimos anos.

Nem pensar

É muito improvável que algum dos três vereadores eleitos do PP assuma algum cargo na Prefeitura. Isso porque, se alguém se afastar da Câmara, o primeiro a herdar uma cadeira seria Edson Azeredo, afilhado político de Hildo Ney Caspary, que apoiou Alex Knak (MDB) na campanha. Os progressistas não estão dispostos a dar espaço a alguém que, na visão deles, traiu a sigla.

Pulo
Embora só o Republicanos tenha desembarcado da coligação de Jaqueline Marques (PSD) durante a campanha, candidatos a vereador de outros partidos do grupo, como o DEM, pularam para o lado de Helena Hermany (PP) bem antes da votação. O líder dos democratas, Zeno Assmann, esteve na comemoração da vitória de Helena.

Retirada estratégica
Após afirmar que cogita abandonar a política, Régis de Oliveira Júnior pode deixar a presidência do PSD na semana que vem. Os candidatos a vereador da legenda estão dispostos a uma aproximação com Helena Hermany (PP). Devido aos atritos dos últimos anos, há um entendimento de que outra pessoa no comando da legenda facilitaria o diálogo.

Quem vai
Na lista de possíveis candidatos a deputado de Santa Cruz em 2022, estão pelo menos três vereadores eleitos para a próxima legislatura: Bruna Molz (Republicanos), Luizinho Ruas (PSD) e Carlão Smidt (PSDB). Candidato derrotado à Prefeitura, Alex Knak (MDB) também é cotado. Kelly Moraes (PTB) e Marcelo Moraes (PTB) devem tentar a reeleição.

Banho-maria 
A prefeita eleita Helena Hermany (PP) está em Xangri-lá, onde passará o fim de semana descansando da campanha. Na próxima semana, vai intensificar a transição e montagem do governo. Na terça-feira, a bancada eleita do PP na Câmara terá uma reunião.

LEIA MAIS COLUNAS DE PEDRO GARCIA