Só em 2021 09/01/2020 10h24 Atualizado às 12h07

Festa Estadual do Feijão é transferida para o próximo ano

Um dos motivos é a estiagem que afeta diretamente a economia da região

Por causa da estiagem, a Festa Estadual do Feijão não vai ocorrer neste ano em Sobradinho. A presidente da Fejão, Clauria Ruoso, esteve presente no programa Giro Regional, da Rádio Gazeta FM 98.1, na manhã desta quinta-feira, 9, explicando os motivos da transferência do evento para 2021.

Segundo ela, o fator que teve maior influência na decisão é a estiagem que assola os produtores rurais, afetando diretamente a economia regional e tendo incidência direta no comércio e nos eventos. “Que motivos nosso agricultor terá para comemorar?”, questiona Clauria ao destacar que a produção agrícola é a base que movimenta a economia de Sobradinho e municípios vizinhos.

Outro motivo elencado pela presidente da Fejão foi o curto espaço de tempo para preparar o evento. Segundo ela, seriam necessários no mínimo dez meses à frente da entidade para ter condições de organizar uma equipe, shows e espaço da realização da Festa. Clauria assumiu o cargo em outubro de 2019.

Diante disso, ainda com programação indefinida mas já com algumas atrações confirmadas, Clauria anunciou para este ano o Festival da Feijoada, a ser realizado nos dias 4, 5 e 6 de abril. Encontram-se pré-agendados os shows da banda Os Federais e do Over Drive Duo, além do Baile da Terceira Idade e do Veloterra. Na ocasião, ocorrerá também a apresentação do traje oficial das soberanas.

A presidente da Fejão saudou a iniciativa do município de assumir a responsabilidade de custear e dar suporte às soberanas, que também irão representar a Festa do Feijão. Clauria ressalta que os custos com trajes, salão de beleza e transporte para participação de eventos são altos para a atual situação financeira da entidade.

Foto: Robson Dias/Agência ManchetePresidente Clauria Ruoso diz que agricultor não tem motivos para comemorar
Presidente Clauria Ruoso diz que agricultor não tem motivos para comemorar