Estelionato 14/01/2019 18h00 Atualizado às 19h43

Morador de Rio Pardo cai em golpe ao tentar alugar casa na praia

Vítima queria alugar um imóvel em Tramandaí, no Litoral Norte

Um morador da localidade de Max Brum, em Rio Pardo, foi mais uma vítima do golpe do aluguel por temporada na praia. Conforme informações da Delegacia de Polícia de Passo do Sobrado, onde o caso foi registrado, ele encontrou no Facebook um anúncio de casa para alugar na praia. 

Após acessar o conteúdo e conferir as informações sobre o imóvel, o morador de Rio Pardo entrou em contato com a pessoa que estava fazendo o anúncio. Os dois combinaram que seria pago o valor de R$ 700,00 para uma estada de três dias no mês de fevereiro. Entretanto, para garantir a reserva do imóvel, localizado na praia de Tramandaí, o locatário precisaria depositar metade do valor acertado (R$ 350,00) em uma conta bancária. 

LEIA MAIS: Golpe do aluguel por temporada na praia faz mais uma vítima

Após o depósito ter sido feito, a vítima enviou uma foto do comprovante e também o número do CPF e do RG para a confecção de um contrato de locação do imóvel. No entanto, depois disso não conseguiu mais contato com a pessoa que oferecia a casa e percebeu que tinha algo errado com o acerto. 

O fato foi registrado nesta segunda-feira, 14, na Delegacia de Polícia de Passo do Sobrado. Entretanto, será encaminhado à Delegacia de Polícia de Rio Pardo, município onde a vítima reside. Em dezembro, uma jovem de Santa Cruz do Sul também caiu no golpe do aluguel de uma casa na praia. Ela havia acertado uma estada em um imóvel em Torres e depositou  a quantia de R$ 700,00 na conta da estelionatária.