Assaltos a banco 13/12/2019 17h02 Atualizado às 17h43

BM prende dupla suspeita de ter colaborado com criminosos em Ibarama

Dois homens foram presos na tarde desta sexta-feira, 13, no interior de Arroio do Tigre

Após uma semana e três dias de cerco, a Brigada Militar prendeu dois homens na tarde dessa sexta-feira, 13, suspeitos de terem colaborado com a quadrilha que atacou dois bancos em Ibarama na semana passada. Conforme informações preliminares repassadas pelo tenente-coronel Giovani Paim Moresco, que comanda o 23º Batalhão de Polícia Militar (BPM), os homens teriam fornecido informações sobre a região ao bando e abrigado os criminosos após os roubos.

“Eles teriam ligação direta com o fornecimento de logística e, pelo que tudo indica, eles acabaram escondendo os bandidos. Foi apreendida com eles uma quantidade bastante expressiva de dinheiro vivo e com muitas notas do mesmo valor. Isso ainda vai ser verificado, mas é provável que (o dinheiro) seja parte do valor levado das agências”, detalhou.

De acordo com a Brigada Militar, foram apreendidos com os suspeitos mais de R$ 30 mil em dinheiro, além de duas espingardas — uma calibre 28 e a outra de calibre 32 —, grande quantidade de pólvora e 33 munições deflagradas. Na propriedade em que eles foram presos foram encontradas lona e roupas que podem indicar que o local serviu de acampamento para a quadrilha.

Com os presos foram apreendidos mais de R$ 30 mil

Segundo Moresco, a dupla foi localizada no interior de Arroio do Tigre, na divisa com Ibarama. O local exato não foi divulgado para não atrapalhar as buscas. Ainda de acordo com o comandante, os suspeitos vinham sendo observados desde o início do cerco. “São pessoas já conhecidas pela polícia da região e sabíamos que havia pessoas que teriam ajudado esse bando de fora. Essa semana pegamos tudo o que tinha sido coletado até agora, colocamos em cima da mesa e começamos a reaprender tudo de novo. E aí deu certo”, contou.

Na semana passada, a polícia já havia detido dois homens suspeitos de tentar resgatar os criminosos na região. Em um dos casos, também foram apreendidas armas, munições e uma quantia em dinheiro semelhante à encontrada hoje.

LEIA MAIS: Cerco em Ibarama completa uma semana sem prazo para terminar

Os suspeitos estão sendo apresentados pelo Grupo de Operações Especiais (Gate) de Porto Alegre e agentes do Setor de Inteligência regional da BM na Delegacia de Polícia de Sobradinho. Ainda não há a confirmação de quanto dinheiro havia com eles. O nome dos homens também não foi divulgado pela Brigada Militar até o momento.

LEIA MAIS
Assalto em Ibarama: “Nem deu medo dessa vez”, relata comerciante
BM prende integrante da quadrilha que atacou agências bancárias em Ibarama