SANTA CRUZ 14/09/2020 17h24 Atualizado às 18h52

Polícia Civil prende suspeito de feminicídio no Bairro Rauber

Vítima levou um tiro na barriga e faleceu na quarta-feira da semana passada, no Hospital Santa Cruz

A Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) prendeu na tarde desta segunda-feira, 14, o suspeito de matar uma mulher de 25 anos, no Bairro Rauber. Ela faleceu no Hospital Santa Cruz, após dar entrada no instituição com um ferimento causado por uma arma de fogo, na semana passada. O preso tem 34 anos e será investigado pelo crime de feminicídio, já que a vítima, Angela de Vargas Furtado, era companheira dele.

O crime ocorreu na manhã de quarta-feira, dia 9, na Rua Affonso Pohl, no Bairro Rauber. A mulher foi atingida na barriga por um tiro e chegou a ser socorrida por familiares, mas acabou morrendo no hospital.


O suspeito preso nega as acusações. Segundo a titular da DEAM, delegada Lisandra Carvalho, a investigação apurou que vítima e acusado tinham um relacionamento conflituoso, e que o suposto autor do disparo acusava a vítima de ter um comportamento “inadequado”. Ainda segundo a Polícia Civil, mais detalhes sobre o caso são mantidos em sigilo para não prejudicar o processo. O homem foi levado ao Presídio Regional de Santa Cruz do Sul.

LEIA MAIS: Mulher de 25 anos morre após ser atingida por tiro na barriga