Eleições 2020 16/11/2020 10h11 Atualizado às 11h15

Câmara de Santa Cruz tem renovação de mais de 60%

Dos 17 vereadores eleitos, apenas sete estão no cargo atualmente. Conheça também os cem mais votados no município

Confirmando as expectativas, a votação de domingo, 15, autorizou uma renovação recorde na Câmara de Santa Cruz, que chegou a mais de 60%. Dos 17 vereadores eleitos, apenas sete estão no cargo atualmente. A lista inclui ainda oito parlamentares estreantes e dois que retornarão ao Legislativo.

A renovação já era prevista, uma vez que, dos atuais parlamentares, quatro concorreram à Prefeitura – Elstor Desbessell (PL), Mathias Bertram (PTB), Alex Knak (MDB) e César Cechinato (PSDB) – e três não participaram da eleição – Hildo Ney Caspary (PP), Edmar Hermany (PP) e Solange Finger (PSD). Outros três não se elegeram, entre eles Ari Thessing, um dos veteranos da Câmara, que estava no sétimo mandato e, embora tenha sido o sétimo mais votado, ficou de fora porque seu novo partido, o Cidadania, não atingiu o quociente eleitoral. Também não conseguiram permanecer Zé Abreu (PTB) e João Cassepp (PSDB).

Dentre os que se reelegeram, o destaque ficou com a militante da causa animal Bruna Molz (Republicanos) que, com 2,2 mil votos, foi a mais votada. A partir de janeiro, Bruna vai dividir a bancada feminina com Nicole Weber, conhecida pela defesa dos direitos das mulheres, que conquistou o primeiro mandato. Com isso, o número de vereadoras mulheres permaneceu o mesmo da atual legislatura.

A relação de estreantes inclui uma série de expoentes da nova geração da política local. Dois deles são herdeiros das famílias mais tradicionais do município: o advogado Henrique Hermany (PP), filho da prefeita eleita Helena Hermany, e o empresário Serginho Moraes (PTB), filho do ex-deputado Sérgio Moraes e da deputada estadual Kelly Moraes. Outra novidade é o advogado Leonel Garibaldi, filho do ex-vereador Nilton Garibaldi, que será o primeiro vereador do Novo no município.

Na lista de novos parlamentares, estão ainda o líder de Pinheiral Rodrigo Rabuske (PTB), o músico Daiton Mergen (MDB) e dois nomes ligados ao esporte: o presidente do Avenida Jair Eich (PP) e o ex-técnico da Assaf Cleber Pereira (DEM).

LEIA MAIS: Veja quem são os vereadores eleitos em Santa Cruz do Sul

Quem são os 17 vereadores

Os reeleitos




Bruna Molz (Republicanos)

Defensora da causa animal, cumpre atualmente o primeiro mandato de vereadora e foi presidente da Câmara em 2019.








Carlão Smidt (PSDB)
Proprietário de uma rede de postos de combustíveis, tem seis mandatos de vereador e já foi presidente da Câmara. É uma das principais lideranças da região do Arroio Grande. Filiou-se ao PSDB em março deste ano. Antes, passou por PL, MDB e PTB.




Alberto Heck (PT)
Professor da rede municipal e ex-presidente do Sindicato dos Professores Municipais, foi secretário de Meio Ambiente no governo Kelly Moraes. Foi vereador de 2013 a 2016 e retornou à Câmara no ano passado, após a renúncia de Paulo Lersch. Tem fortes ligações com interior.






Luizinho Ruas (PSD)


Ex-presidente da Associação dos Moradores do Bairro Faxinal Menino Deus, onde exerce forte atuação comunitária, foi subsecretário de Habitação no governo Kelly Moraes e cumpre atualmente o segundo mandato de vereador.




Licério Agnes (PSD)


Proprietário do Supermercado Agnes, comandou três secretarias (Agricultura, Obras e Segurança) no governo Telmo Kirst, antes de se eleger vereador em 2016. É uma liderança forte da região do Arroio Grande.





Gerson Trevisan (PSDB)



Policial civil ativo, foi secretário de Turismo no governo Wenzel e duas vezes líder de governo de Telmo Kirst.





Bruno Faller (PDT)

Advogado e professor universitário, é militante do PDT há décadas em Santa Cruz e cumpre atualmente o primeiro mandato de vereador. Presidiu a Câmara em 2018 e tem ligações com o setor cultural. Foi secretário de Administração no governo Wenzel.







OS ESTREANTES


Henrique Hermany (PP)

Advogado, foi secretário municipal de Saúde e de Segurança e Esporte no governo Telmo. É o filho mais novo da prefeita eleita Helena Hermany e do vereador Edmar Hermany e o atual presidente municipal do PP.




Nicole Weber (PTB)

Advogada e proprietária de uma loja de roupas, é integrante do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e, desde o ano passado, atuava na Procuradoria Especial da Mulher da Assembleia Legislativa, a convite da deputada Kelly Moraes.





Rodrigo Rabuske (PTB)

Professor de Ciências Contábeis da Faculdade Dom Alberto, é líder comunitário em Pinheiral, onde presidiu o Conselho de Desenvolvimento do Pinheiral (Codepin). Foi assessor de Mathias Bertram na Câmara de Vereadores e de Marcelo Moraes na Câmara dos Deputados.


Jair Eich (PP)



Com fortes ligações com a região de Boa Vista, é proprietário da empresa Ulfer Purificadores de Água e presidente do Esporte Clube Avenida. Filiou-se ao PP no início deste ano.








Leonel Garibaldi (Novo)


Primeiro vereador eleito do Novo em Santa Cruz, foi um dos fundadores do partido no município. É advogado e filho do ex-vereador Nilton Garibaldi. Concorreu a deputado estadual em 2018.



Daiton Mergen (MDB)


Vocalista da Banda Magia Musical, lançou sua candidatura em junho do ano passado, após se filiar ao MDB a convite de Alex Knak.





Serginho Moraes (PTB)



Filho do ex-deputado Sérgio Moraes e da deputada estadual Kelly Moraes, é proprietário de uma fábrica de motorhomes e envolvido com esporte.



Cleber Pereira (DEM)



Foi técnico e presidente da Associação Santacruzense de Futebol (Assaf), além de ter comandado o Departamento de Esportes da Prefeitura. Assumiu como vereador em algumas ocasiões na última legislatura.






OS RETORNOS

Ilário Keller (PP)

Proprietário de uma empresa do setor de floricultura, foi vereador por sete mandatos entre 1993 e 2016 e presidiu a Câmara em quatro oportunidades. Filiou-se ao PP em março, após passar mais de 20 anos no PTB e sete anos no Solidariedade. Tem fortes ligações com o interior.


Raul Fritsch (Republicanos)


Proprietário de uma empresa de confecções, foi secretário do Meio Ambiente no governo Telmo, período durante o qual também assumiu como vereador em alguns momentos.




LEIA TAMBÉM: Helena é a segunda mulher eleita para governar Santa Cruz