Eleições 2020 16/11/2020 10h39

VÍDEO: Bruna Molz é a vereadora mais votada em Santa Cruz

Segunda mulher na história do município a comandar a Câmara, Bruna já traça metas para próxima legislatura

Após despontar em 2016 com uma votação que superou qualquer projeção, Bruna Molz voltou a surpreender neste ano, tornando-se a vereadora mais votada. Em entrevista na noite de domingo, 15, ela disse que também foi pega de surpresa. “Eu imaginava que repetiria a minha votação, mas não que seria a mais votada. É um sinal de que as pessoas estão carentes de políticos que cumprem as suas promessas”, comentou.

Defensora dos animais, Bruna conseguiu, em seu primeiro mandato, aprovar diversas leis, como a que elevou as multas para maus-tratos e a que proibiu os fogos de artifício com estampido. Também articulou investimentos importantes na área, como os que permitiram a implantação do Hospital Veterinário da Unisc e a compra do Castramóvel. Em 2019, presidiu a Câmara – foi a segunda mulher da história de Santa Cruz a comandar o Legislativo.

LEIA MAIS: Veja quem são os vereadores eleitos em Santa Cruz do Sul

Segundo Bruna, entre as metas para a próxima legislatura estão reivindicar a implantação de uma linha urbana para o Hospital Veterinário e uma lei para permitir o transporte de animais em coletivos. “Essa é uma vitória da causa animal. Muitas pessoas não entenderam a minha causa em um primeiro momento. Eu fui muito criticada. Mas os animais são seres vivos que merecem nossa atenção, carinho e respeito”, alegou. Embora tenha apoiado Jaqueline Marques (PSD), Bruna também elogiou o plano de governo da prefeita eleita Helena Hermany (PP) no que toca a políticas voltadas aos animais e disse que buscará diálogo com ela.

Questionada sobre a possibilidade de concorrer a deputada em 2022, deixou em aberto. “Não vou te negar que existe essa possibilidade. Mas ainda é muito cedo para falar. Tudo é possível”, afirmou.

Confira a entrevista de Bruna Molz à Rádio Gazeta na manhã desta segunda-feira,16:

LEIA MAIS: Após reviravolta, Bruna Molz é eleita presidente da Câmara