#AmeJuJu 10/02/2020 07h15 Atualizado às 08h18

Campanha para Juju já arrecadou 7,5% do valor do tratamento

Apesar da fração ser pequena, a mãe da menina comemora e agradece as ações

Em alguns meses de campanha, a Ame Juju já arrecadou R$ 683 mil. O número é impressionante, mas ainda apenas uma fração – mais especificamente, 7,58% – dos R$ 9 milhões necessários para o tratamento da pequena Júlia Cardoso Torres, de 1 aninho, moradora de Santa Cruz do Sul diagnosticada com atrofia muscular espinhal (AME) tipo 1. Mas se depender da força de vontade de dezenas de voluntários, que organizaram uma série de ações no fim de semana, o valor será conquistado para que a bebê seja curada nos Estados Unidos antes dos 2 anos de idade.

Na sexta-feira foram um jantar beneficente e dois pedágios, em Herveiras e Sinimbu. O primeiro arrecadou R$ 2.666,30 e o segundo, R$ 9.010,41. Na manhã de sábado, um pedágio na esquina da Ernesto Alves com a Avenida Paul Harris reuniu 20 voluntários, que obtiveram R$ 13 mil. Houve ainda o Vestibular Solidário Uninter.

LEIA MAIS: Fim de semana de união para ajudar a Juju

A principal atividade foi realizada na Praça Ernesto Frederico Söhnle, na Avenida Senador Pasqualini, das 14 até as 20 horas do sábado. O dia de atrações para adultos e crianças teve brinquedos infláveis, pintura facial, apresentações musicais e venda de produtos. Tudo com o objetivo de arrecadar fundos para campanha.

Mesmo a chuva não foi capaz de espantar o grupo que organizou a ação e o público, que compareceu em peso para apoiar a atividade, segundo Caroline Knipphoff, integrante da comissão organizadora. “Estamos fazendo uma tarde de amor e solidariedade, e a gente se coloca muito no lugar do outro. Estamos recebendo todas as pessoas, adultos e crianças, que venham com suas famílias. Todo o lucro da campanha vai ser aberto à comunidade com muita clareza.”

LEIA MAIS: VÍDEO: atriz Larissa Manoela divulga campanha #AmeJuju

Para a médica Silviane Bica Cardoso, mãe de Juju, é impossível não se emocionar com todo o empenho da comunidade para ajudar a filha. “A gente fica realmente emocionado com os gestos de solidariedade e as palavras de apoio. Cada contribuição vem com afeto, carinho e uma palavra de amor. Além da doação, trazem muito carinho para a Juju.”

A mãe explica que será preciso pedir muitas vezes, por ser um valor alto, e que a família conta com multiplicadores. Ela acredita que conseguirão o valor necessário para curar a pequena. “É indescritível a solidariedade das pessoas, isso comove a gente.” Silviane define a campanha como histórica para a região, por unir gerações e classes sociais na missão tão nobre de salvar uma vida.

LEIA MAIS: VÍDEO: mãe da pequena Juju agradece apoio e pede que mobilização continue

Corrida pela vida

Conforme Silviane, uma nova ação começa nesta semana entre os taxistas e motoristas do aplicativo Garupa em Santa Cruz. Batizada de Corrida Pela Vida, a ação terá veículos identificados pela campanha e um cofrinho onde os passageiros poderão fazer doações.

LEIA MAIS:
FOTOS: Praça da Pasqualini recebe evento da campanha Ame Juju

FESTA RETRÔ


Outro evento que destinará parte do lucro para a campanha Ame Juju será realizado no dia 7 de março, em Santa Cruz do Sul. A festa Vale a Pena Dançar chegará à segunda edição, para admiradores da música dos anos 1980, 1990 e 2000, na sede da Tapes, antiga sede da Dimon. Metade do lucro será doada para a campanha.

A festa open bar terá quatro tipos de cerveja liberada, além de cerveja sem álcool, energético, refrigerante e água. Os ingressos antecipados, a R$ 60,00 para eles e R$ 40,00 para elas, estão disponíveis nos pontos de venda. Em Rio Pardo, podem ser adquiridos na Dactilus Papelaria e em Santa Cruz na Casa de Clientes Gazeta. Também há ingressos com direito aos camarotes por R$ 80,00 e R$ 60,00.