Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

DIRETO DA REDAÇÃO

A grande notícia da semana é Juju

Esta semana chega ao final sob a aura de uma notícia que deve ter soado muito gratificante para toda a comunidade, em especial para a família da pequena Júlia Cardoso Torres. Foram longos e angustiantes meses em que familiares e amigos lideraram uma campanha para angariar recursos que viabilizassem o custeio do tratamento de saúde que ela precisaria receber até os 2 anos de idade, uma vez que sofre de atrofia muscular espinhal (AME) tipo 1. Graças a um tratamento que foi disponibilizado pela empresa farmacêutica Novartis, sem custo, na quarta-feira Juju, como é carinhosamente chamada, ao lado dos pais Silviane Bicca Cardoso e Ramsés Torres, e da pediatra Fabiani Waechter Renner, viajou para Recife, em Pernambuco. Lá, no Real Hospital Português, na quinta-feira começaram os procedimentos para a aplicação do medicamento Zolgensma, essencial para que Juju possa assegurar a sua sobrevivência.

Depois dessas semanas e dos meses de engajamento e envolvimento de centenas de pessoas, que se sensibilizaram com o drama de Juju, para todos nós, na Gazeta do Sul, foi simplesmente marcante, emocionante, poder noticiar, na edição de quinta-feira, a viagem de Juju e de seus pais em busca desse auxílio essencial. Já na edição de sexta-feira pudemos repercutir as ações do primeiro dia na capital pernambucana, na qual a menina dera entrada no hospital às 7 horas; e, depois da aplicação do medicamento, veio a informação de que ela já recebeu alta nessa sexta-feira. O retorno para Santa Cruz do Sul está previsto para o início da próxima semana, e a Gazeta do Sul se solidariza com os pais e toda a família no sentido de que a querida Juju possa motivar, a cada dia, a partir de agora, boas notícias do restabelecimento pleno de sua saúde, e que possa vir a ter uma vida feliz, repleta de momentos de muita paz e alegrias.

Para toda a comunidade, a partir do engajamento verificado em torno da campanha de arrecadação de recursos, fica o exemplo da grandeza e da riqueza para a condição humana que representa a solidariedade. A exemplo de Juju, muitas outras pessoas estão constantemente dependentes ou necessitadas de medicamentos, tratamentos, auxílios, em virtude de remédios ou recursos situados acima ou fora de suas realidades financeiras. Que essa mobilização comunitária pudesse, quem sabe, inspirar os tomadores de decisão públicos (e temos aí centenas de candidatos ao Executivo ou ao Legislativo neste momento quase implorando pelo voto), e que estes lembrassem, quando eleitos, logo ali adiante, que deles se espera um esforço ou um envolvimento tão grande, ou inclusive maior. Assim, poderíamos vir a ter (cada vez mais?) confiança nas soluções de que a população tanto necessita.

Ao lado da alegria por podermos trazer notícias do tratamento de saúde de Juju, na edição da Gazeta do Sul deste fim de semana, em reportagem do jornalista Iuri Fardin, referimos a comunidade de Alto Linha Santa Cruz pelas comemorações alusivas a suas históricas instituições religiosas. Para todos, os nossos votos de um ótimo final de semana.

LEIA OUTRAS COLUNAS DE ROMAR BELING

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.