Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

Internacional

Agências dos Estados Unidos concluem que Covid-19 não foi desenvolvida como arma biológica

As agências de inteligência dos Estados Unidos não foram capazes de determinar conclusivamente como a pandemia da Covid-19 surgiu, aponta um resumo de um relatório confidencial divulgado na sexta-feira, 27. Por outro lado, elas concordam em dois pontos: de que o coronavírus não foi desenvolvido como arma biológica e de que as autoridades chinesas não tinham conhecimento prévio do vírus.

LEIA TAMBÉM

Quatro agências avaliaram, com pouca confiança, que o vírus alcançou humanos por meio de animais infectados, disse o resumo, mas uma argumentou com confiança moderada que o vírus foi resultado de um acidente de laboratório. O resumo foi extraído de um relatório confidencial mais longo apresentado ao presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, na última terça-feira, 24.

No fim da semana passada, Biden afirmou que há “informação crucial” sobre as origens da pandemia da Covid-19 na China, mas autoridades do país asiático têm trabalhado para impedir investigadores internacionais de acessá-la.

LEIA MAIS: ACOMPANHE A COBERTURA COMPLETA SOBRE O CORONAVÍRUS

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.