Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

luto

Brigada Militar presta homenagem a soldado Marciele em Santa Cruz

Foto: Brigada Militar

A Brigada Militar prestou uma homenagem, na tarde desta quinta-feira, 25, à soldado Marciele Renata dos Santos Alves, que morreu em combate, no dia 25 de novembro de 2019. Ela foi atropelada pelo carro de uma quadrilha em fuga, durante uma operação em Linha Arroio Alegre, no município de Sério, na região do Vale Taquari. Marciele foi a primeira policial mulher a morrer em confronto com criminosos em ação no Estado.

Nesta tarde, os policiais militares de Santa Cruz fizeram um sirenaço e participaram de uma missa realizada na Catedral São João Batista, em homenagem aos dois anos da partida da soldado Marciele.

A policial era natural de Cachoeira do Sul e integrava o Pelotão de Operações Especiais (POE) de Santa Cruz do Sul. Marciele ingressou na Brigada Militar em 2012, quando tinha apenas 21 anos. Ela era formada em Fisioterapia pela Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc) e cursava uma pós-graduação em Fisiologia na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

LEIA MAIS: Carreta pega fogo na RSC-287 em Venâncio Aires

Quer receber as principais notícias de Santa Cruz do Sul e região direto no seu celular? Então faça parte do nosso canal no Telegram! O serviço é gratuito e muito fácil de usar. Se você já tem o aplicativo, basta clicar neste link: https://t.me/portal_gaz. Se ainda não usa o Telegram, saiba mais sobre o app aqui e veja como baixar.

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.