Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

TEMPO

Com calor fora de época, paredes e pisos ficam molhados; veja como evitar

Foto: Freepik

O dia já começou com temperaturas acima das esperadas para junho no Vale do Rio Pardo. Às 9 horas, o termômetro já marcava 26 graus. E ainda vai esquentar mais. As máximas previstas para a região podem chegar a até 32 graus.

A sexta-feira já foi de calor. Em Santa Maria, os termômetros já chegaram a marcar 31 graus à tarde, segundo a MetSul Meteorologia.

A mudança brusca de temperatura, com a chegada de ar quente após um período de frio, propicia um fenômeno que incomoda muita gente: a umidade nas paredes e nos pisos de casa. A situação que já foi percebida nessa sexta pode se intensificar no sábado, dia que deve ter vento norte, quente, quase o tempo todo.

LEIA MAIS: Entenda a umidade nas paredes e nos pisos e saiba como resolver

Quando isso acontece, vem aquela dúvida: é melhor abrir ou fechar a casa? O professor de Agrometeorologia da Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc), Marcelino Hoppe, explica que isso faz pouca diferença. O ar quente também é capaz de entrar pelas frestas da casa fechada.

A orientação de Hoppe é aquecer o ambiente. Para isso, pode ser usado um condicionador de ar, um aquecedor e até o fogão a lenha. O professor explica que o problema não tem relação com a umidade relativa do ar, mas sim com o ponto de orvalho, que é a temperatura na qual a umidade condensa. Quando este número está alto, o fenômeno acontece.

Por volta de 9 horas deste sábado, 5, a estação meteorológica da Gazeta Grupo de Comunicações informava que o ponto de orvalho estava em 16 graus. Isto significa que se as paredes e pisos estiverem a temperaturas abaixo desta, a umidade vai condensar em gotículas de água.

Alerta para temporais

Segundo a MetSul Meteorologia, o calor precede a chegada de uma frente fria, com condições para tempo severo. Este sistema está em formação no Uruguai e deve chegar ao Rio Grande do Sul entre a tarde e a noite deste sábado. A partir da madrugada de domingo, a condição se espalha pelo Estado, podendo causar tempestades com vendavais, muitos raios e até granizo. O alerta se estende à região Central.

O domingo pode ter chuva forte, com acumulados acima de 50 milímetros em muitos locais, podendo chegar a 100 milímetros em alguns pontos. Na segunda, algumas regiões ainda podem ter chuva.

LEIA MAIS: É melhor abrir ou fechar a casa para evitar umidade? Especialista explica

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.