Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

BELEZA DAS FLORES

FOTOS: a primavera chegou mais cedo na casa de Lilia e Felício

Foto: Alencar da Rosa

Lilia Wartchow e Felício Stertz dividem o amor pela natureza e o cuidado com a terra

A primavera só começa oficialmente em 22 de setembro. Mas, na casa de Lilia Wartchow, de 73 anos, e Felício Stertz, de 65, a sensação é de que a estação mais colorida do ano nunca vai embora. O distrito de Rio Pardinho, em Santa Cruz do Sul, foi o lugar escolhido como moradia pelos dois aposentados. O lar – principalmente o jardim – é pensado para aproximar ainda mais a natureza da rotina deles. 

A residência chama a atenção de quem passa pela RSC-471, em frente ao Sítio Pedagógico Paraíso, pelo colorido e a variedade de flores, que são mais de cem. Apaixonada por lidar com a terra, Lilia conta que sempre trabalhou no campo e agora concilia o gosto pelo plantio de flores com a função como revendedora de cosméticos. “Eu gosto de morar em meio à natureza. É uma terapia, mas ainda faço todo o meu serviço de casa e saio para a rua para vender, de bicicleta”, relata.

LEIA MAIS: FOTOS: no isolamento, ex-vereadora revitaliza jardim em Linha Santa Cruz

Enquanto não chega a primavera, são cultivadas espécies adequadas às estações mais frias. A planta preferida de Lilia é a flor de jasmim. “Eu adoro. Tem um cheiro um pouco enjoativo, mas fica lindo.” Aposentado, Felício trabalhou mais de 30 anos como jardineiro e também continua mexendo com a terra. Mas diferente da companheira, o trabalho dele é mais focado na horta, onde cultiva hortaliças que são vendidas na região.

LEIA MAIS: FOTOS: jardim florido chama a atenção em Rio Pardinho

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.