Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

DISTANCIAMENTO CONTROLADO

Governo do Estado confirma bandeira vermelha para 16 regiões

Foto: Governo do Estado

O Gabinete de Crise do Estado decidiu negou, nesta segunda-feira, 15, os três pedidos de reconsideração ao mapa preliminar da 41ª rodada do Distanciamento Controlado. Isso significa que o mapa definitivo permanece com 16 regiões em bandeira vermelha, incluindo a de Santa Cruz, e cinco regiões em bandeira laranja (Bagé, Caxias do Sul, Ijuí, Pelotas e Santa Rosa).

A vigência da classificação vai de 16 a 22 de fevereiro. O pedido de reconsideração da região Covid de Santa Maria foi indeferido porque a região apresentou piora na avaliação de indicador específico, que recebeu avaliação de risco altíssimo (bandeira preta).

Somado à piora na avaliação de um indicador de velocidade de propagação da Macrorregião Centro-Oeste, houve elevação da média ponderada final, o que determina a bandeira vermelha. Além disso, a região também atingiu níveis de risco para acionamento da salvaguarda de bandeira vermelha.

Para a região de Guaíba, a equipe técnica aponta piora considerável nos dados da região – aumento de 83% de casos internados e baixa disponibilidade de leitos de UTI. Acrescidos à situação de aumento constatada na macrorregião Metropolitana e ao fato de a região de Guaíba ter indicadores que delinearam o acionamento da salvaguarda, o Gabinete de Crise optou por indeferir o pedido.

Por último, o pedido da região de Passo Fundo também foi indeferido devido à piora de dois indicadores que consideram dados específicos da região, que chegaram à bandeira preta. A piora de um indicador de velocidade de propagação da Macrorregião Norte e níveis de risco para acionamento da salvaguarda de bandeira vermelha fizeram com que o Gabinete de Crise optasse por indeferir a solicitação da região.

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.