Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

Política

Henrique Hermany cogita concorrer a prefeito em 2020

Quase uma semana após pedir demissão da Secretaria de Segurança, Defesa Civil e Esporte, Henrique Hermany não descarta a possibilidade de concorrer a prefeito de Santa Cruz do Sul em 2020. Em entrevista à Rádio Gazeta, ele afirmou que a saída do Executivo foi motivada por questões pessoais, para poder se dedicar à advocacia. Ainda que neste momento esteja priorizando as atividades profissionais, ele afirma que tem vontade de encabeçar uma chapa à Prefeitura.

“Eu tenho vontade. Tenho também ambições políticas, gosto da política, mas dentro de uma ordem. Em primeiro lugar, minha família; segundo lugar, minha profissão; e em terceiro, a política. Eu sempre fiz política. Fiz política por ideal, no movimento partidário da juventude progressista. Me criei fazendo política até pela convivência familiar, pela participação do Arno Frantz, meu tio-avô, meu padrinho.”

Confira a entrevista completa:

Henrique, que também é presidente do PP em Santa Cruz e foi um dos coordenadores das campanhas de Telmo Kirst em 2012 e 2016, estava no primeiro escalão do governo desde janeiro de 2013, quando assumiu a então recém-criada pasta da Segurança. Em abril de 2015, após um curto período fora da administração, tornou-se secretário da Saúde. Retornou à Segurança quando Telmo tomou posse para o segundo mandato.

Na mesma data em que o pedido de demissão foi entregue ao Palacinho, o prefeito Telmo Kirst nomeou Délcio Mayer para a pasta da Segurança. Já Zeno Assmann foi indicado para substituir Délcio que, até então, estava à frente da Fazenda.

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.