Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

Picada Karnopp

Homem é morto a tiros em Candelária após ameaçar ex-mulher

Na noite dessa quinta-feira, 11, um homem de 31 anos foi morto a tiros em Picada Karnopp, interior de Candelária. Segundo a delegada Graciela Foresti Chagas, que responde interinamente pela Delegacia de Polícia do município, a vítima, Ederson dos Santos, havia saído no dia anterior do presídio. Ele respondia por três roubos.

Já na tarde de quinta, segundo relatos, ele foi atrás da ex-mulher. Os dois já estavam em processo de separação. Ele teria entrado no ônibus em que ela estava e fez ameaças contra ela, mas foi retirado por outros passageiros. “Inclusive, ela já havia registrado ocorrência contra ele”, diz a delegada.


Por causa das ameaças, a família da mulher pediu que ela ficasse na casa dos pais. À noite, por volta das 21 horas, a mulher contou que estava dormindo com o filho, do qual Ederson é pai, quando ouviu chutes na porta.

Em seguida, ele arrombou a porta e foi atingido por tiros, disparados pelo pai da mulher. Ederson portava uma faca e um simulacro de arma de fogo. A polícia investiga se o autor dos disparos, de 59 anos, agiu em legítima defesa. “Vamos investigar para ver se ele achava que poderia ser outra pessoa ou temia que fosse Ederson”, afirma Graciela Chagas.

Serviços fúnebres

Segundo a Funerária Freitas, o velório de Ederson começa ao meio-dia desta sexta-feira, 12, na Capela Santa Ana da Comunidade Católica de Candelária. O sepultamento será as 18 horas no Cemitério Municipal do Bairro Marilene.

LEIA TAMBÉM: BM de Candelária prende homem por porte ilegal de arma de fogo

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.