Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

Previsão do tempo

Mesmo com a chuva desta semana, estiagem vai continuar até abril

Foto: Lula Helfer

Voltou a chover no Vale do Rio Pardo. O volume ainda não é significativo para combater a estiagem, mas serve de alento aos produtores e à natureza, que foram castigados durante o verão escaldante. A meteorologista Estael Sias, da MetSul, informou que a chuva dessa segunda-feira esteve concentrada em alguns pontos do Rio Grande do Sul, com pequenos acumulados.

“Na cidade de Maquiné foram 72 milímetros; em Igrejinha, 32. No Vale do Rio Pardo, a variação ficou entre 5 a 10 milímetros”, explicou. Segundo ela, em Rio Pardo foram registrados 0,4 milímetros, praticamente uma garoa. “Esses acumulados não foram significativos, mas amenizaram as temperaturas e trouxeram umidade.”

Ao avaliar a estiagem, que começou em novembro, a meteorologista apontou para uma situação preocupante. “Faltou chover algo em torno de 250 milímetros para que ficássemos dentro da normalidade. Além disso, quando houve precipitação, veio forte e concentrada em no máximo dois dias”, lamentou.

“Entre quarta e quinta-feira vamos ter mais chuva. Lá pelo dia 27, também. Após, haverá um novo período sem umidade. A estiagem continua presente e este cenário deve seguir até o começo de abril”, detalhou, Estael Sias.

LEIA MAIS: Paineiras economizam água para resistir à estiagem

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.