Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

GAUCHÃO A2

Avenida vence em casa e reassume a vice-liderança do Grupo B

Foto: Vinicius Schubert/Divulgação

O Avenida voltou à segunda posição do Grupo B da Divisão de Acesso, ao conquistar mais uma vitória na competição na noite desta quarta-feira, 22, nos Eucaliptos. Com gols de Henrique Ávila, no primeiro tempo, e Dandan e Tito na segunda etapa, o Periquito fez 3 a 1 no São Gabriel e encaminhou sua classificação para a próxima fase, faltando quatro rodadas na primeira fase. Pedro Clemente marcou o gol do time visitante, que com a derrota, está praticamente rebaixado para a terceira divisão do ano que vem.

Agora o Avenida joga pela classificação antecipada na próxima segunda-feira, 27, quando enfrenta em casa o Guarany de Bagé, em partida que vale a liderança da chave.

PRIMEIRO TEMPO

Jogando em casa, o Avenida se impôs logo no início da partida e começou melhor o jogo, povoando o campo de ataque. Aos dois minutos de jogo, Henrique Ávila apareceu pela esquerda e mandou a bola para a área do São Gabriel. Ela ganhou efeito e foi cair às costas do goleiro Adrian, em um belo lance que encobriu o arqueiro visitante, marcando o primeiro gol do time alviverde.

Com domínio na partida, o jogo parecia se encaminhar para o Avenida, que luta pelas primeiras posições do grupo. Mas na primeira oportunidade que chegou na área, o time do São Gabriel empatou o jogo e complicou a noite para a equipe do técnico Márcio Nunes. O meia Jean Roberto acionou Pepeto na esquerda aos 13 minutos. Ele cruzou da intermediária, a bola passou pela defesa, quicou na área e Pedro Clemente completou de perna direita para deixar o jogo em 1 a 1.

O Avenida buscou o segundo gol ainda na primeira etapa. Aos 24, Anderson Feijão cobrou falta com perigo para o gol do São Gabriel. A cobrança foi pelo lado esquerdo, quase na linha de fundo, e o goleiro Adrian pulou para afastar a bola quase sobre a linha e tocar para escanteio.

Aos 29, o zagueiro Marcão quase marcou ao desviar de cabeça um cruzamento da direita. A bola passou por todo mundo na área e a finalização saiu por cima, na pequena área. Alexandre arriscou de fora da área aos 35, obrigando o goleiro Adrian a fazer uma grande defesa. O chute saiu forte e com efeito, e por pouco nã acabou no fundo das redes.

Aos 38, Moisés baiano chutou cruzado e com muito perigo após pegar um rebote da defesa do São Gabriel após cruzamento da direita. Uma bomba passou pela área e saiu raspando o poste direito do São Gabriel, em um primeiro tempo onde o Avenida foi punido por ter falhado em um único lance, que acabou originando o gol adversário.

SEGUNDO TEMPO

Assim como na primeira etapa, logo no início do segundo tempo, o Avenida marcou seu gol. Aos quatro minutos, Dandan desempatou a partida após o time da casa roubar uma bola na saída do São Gabriel. O jogador avançou e chutou forte para marcar o 2 a 1 da entrada da área.

O terceiro gol saiu logo depois. Aos 13, Alexandre acionou Juliano na área. Ele dominou e chutou em direção ao gol de perna direita, e Tito desviou a bola na entrada da pequena área para deixar o jogo em 3 a 1.

O segundo tempo foi todo do Avenida, que por pouco não construiu uma goleada ainda maior nos Eucaliptos. Os jogadores que vinham jogando como titulares nos jogos anteriores, Toto e Laion, e Fernandinho, foram para a partida e mantiveram o time da casa no ataque.

Aos 27, Fernandinho apareceu na entrada da área após mais uma pressão do Avenida na saída do São Gabriel. O chute foi colocado e carimbou o poste direito do gol adversário, e por pouco o atacante não fez o quarto gol.

Com a sexta vitória na competição, o Avenida voltou à segunda posição no Grupo B após o jogo recuperado da sétima rodada. O Periquito chega a 20 pontos e é vice-líder, e na próxima segunda-feira, 27, a partir das 19 horas, nos Eucaliptos, em Santa Cruz, faz o jogo valendo a liderança na tabela contra o Guarany de Bagé, primeiro colocado, com 22 pontos. O Lajeadense é terceiro com 18 pontos, e o São Paulo-RG completa a zona de classificação na quarta posição, com 12.

Com dois pontos negativos em virtude da punição por escalar jogadores que não tinham sua situação regularizada, o São Gabriel está praticamente rebaixado para a terceira divisão do futebol gaúcho. A equipe tem 12 pontos a disputar na competição, e tem 11 pontos de diferença para o Bagé, sétimo colocado.

Marcação alta possibilitou a vitória no segundo tempo, analisa Márcio Nunes

O técnico do Avenida, Márcio Nunes avaliou a vitória após o jogo, no microfone da Rádio Gazeta FM 107,9. O comandante do Periquito comentou a marcação do time alviverde ainda na saída de bola do adversário na partida contra o são Gabriel, o que possibilitou a criação dos dois gols na segunda etapa.

“A gente veio com esse estilo já nos minutos iniciais e foi assim que conseguimos buscar mais gols, pressionando o time deles. Hoje conseguimos pisar com três ou quatro jogadores dentro da área e conseguimos converter em gols as chances que tivemos”.

O treinador comemorou as boas atuações do meia Alexandre e do Zagueiro Luis Henrique, atletas experientes que vieram do banco em um momento em que o plantel estava desfalcado por lesões e fadiga em virtude do acúmulo de jogos. Para a partida contra o Guarany, o lateral Moisés Baiano, que deixou o jogo da noite desta quarta-feira na maca, é dúvida. O jogador terá que se recuperar de dores no joelho esquerdo para não desfalcar o time na próxima segunda-feira, dia 27, quando o Avenida reencontra seu torcedor.


FICHA TÉCNICA – CAMPEONATO GAÚCHO DA SÉRIE A2
1ª FASE – GRUPO B – 7ª RODADA
AVENIDA 3×1 SÃO GABRIEL

Local: Estádio dos Eucaliptos, em Santa Cruz do Sul
Data: 22/09/2021, quarta-feira
Horário: 19 horas
Árbitro: Andressa Hartmann
Assistentes: Haury Temp e Rodrigo Dahmer
Cartão amarelo: Pepeto, Thuram (São Gabriel)
Cartão vermelho:
Gol
: Henrique Ávila, aos 2min/1ºT, Dandan, aos 4 min/2ºT, Tito, aos 12 min/2ºT (Avenida); Pedro Clemente, aos 13min/1ºT (São Gabriel)

AVENIDA: Rodrigo; Moisés Baiano (Toto), Luis Henrique, Marcão e Roger, Juliano, Anderson, Alexandre (Lucas Lopes), Tito (Laion); Dandan (Fernandinho), Henrique Ávila
Técnico: Márcio Nunes

SÃO GABRIEL: Adrian Serpa; Ivison (Luis Felipe), Dudu, Thuram e Yuri Kaíque; Hippolito, Elias Ceará (Jeorge), Fabiano Paulista (Fabinho), Jean Roberto; Pepeto e Pedro Clemente (Octávio)
Técnico: Caio Flávio Rodrigues

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.