Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

BRASILEIRÃO

Inter fica no empate com o Corinthians e segue fora do G4

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Em jogo movimentado no Beira-Rio, o Internacional esteve duas vezes à frente do Corinthians, mas cedeu o empate para o líder do Brasileirão, em jogo disputado neste sábado, 14, pela sexta rodada do Brasileirão.

Alan Patrick abriu o placar para o Colorado. Raul Gustavo empatou para o Timão ainda na primeira etapa, e Wanderson deixou o Inter na frente no final do primeiro tempo. Mas o Corinthians foi melhor na segunda etapa e conquistou o empate com um gol de Jô.

O colorado termina o sábado na nona posição, mas o novo empate, o terceiro no campeonato, pode fazer o time gaúcho perder até três posições com os jogos do domingo, 15. São Paulo ou Cuiabá, Coritiba e Botafogo, podem ultrapassar o Inter na tabela ainda na sexta rodada.

PRIMEIRO TEMPO

Inter e Corinthians fizeram um bom jogo no Beira-Rio. As duas equipes saíam em velocidade, e a primeira etapa foi de várias chances de gol.

Aos 4 minutos, o atacante David recebeu uma bola na frente da área, mas perdeu o domínio e Cássio defendeu, na primeira chance do time da casa. Aos 12, Edenílson passou de cabeça para Bustos soltar a bomba na área pela direita, e a bola saiu perto do poste direito do goleiro.

O Inter abriu o placar aos 24 minutos. Após jogada pela esquerda, Wanderson cruzou rasteiro na área do Corinthians, o atacante Wesley Moraes tocou na bola, que sobrou no segundo poste para Alan Patrick completar para o fundo da rede de pé direito, em seu primeiro gol após seu retorno ao clube gaúcho.

Cinco minutos depois de sofrer o gol, o Corinthians empatou com Raul Gustavo. Após escanteio rebatido pela defesa do Inter, a bola sobrou para Róger Guedes no outro lado. Ele tocou para a área e Gil tocou de cabeça em direção ao gol. A bola ficou viva na pequena área e Raul Gustavo tocou para o fundo das redes. O Inter pediu falta sobre o goleiro, mas o árbitro Braulio da Silva Machado confirmou o gol após conversa com o VAR.

O Inter era melhor em campo, e conseguiu o desempate aos 44. Em boa jogada de David, que girou sobre a marcação quase na linha de fundo, o cruzamento saiu na medida para Alan Patrick finalizar de cabeça. O goleiro Cássio fez grande defesa, mas Wanderson chegou no rebote para chutar forte na pequena área e colocar o Inter na frente.

SEGUNDO TEMPO

O Corinthians voltou com o centroavante Jô no lugar de Róger Guedes. O time paulista foi mais ofensivo, e se no primeiro tempo o jogo foi de superioridade do Inter, na segunda etapa, os visitantes se impuseram, criaram mais chances e empataram a partida.

O goleiro Daniel foi obrigado a fazer boas defesas na segunda etapa. Aos seis minutos, Jô cabeceou após cobrança de falta lançada pra área, e o goleiro Daniel fez grande intervenção para evitar o gol, mas o árbitro já marcava impedimento. Em lance similar, aos 13 minutos, o Corinthians marcou o gol com Gil, que cabeceou após cobrança de falta na área, mas o gol foi anulado por impedimento.

Aos 18, a defesa do Inter não conseguiu evitar o empate. Mantuan recebeu na frente da área e tocou por cima da zaga do Inter. Jô recebeu na área, tirou Daniel e tocou para o gol, para definir o placar.

Mantuan teve boa chance de deixar o Corinthians na frente aos 26, quando recebeu na quina da grande área peça esquerda e chutou forte pro gol. Daniel espalmou para escanteio.

Aos 31, o capitão do Inter, Edenílson começou uma discussão com o lateral português do Corinthians, Rafael Ramos. Ao final da partida, em entrevista, o atacante Jô confirmou que o volante colorado reclamou de um caso de racismo, onde teria sido chamado de “macaco” pelo atleta do Corinthians. A partida ficou parada por alguns minutos mas recomeçou sem qualquer atitude do árbitro sobre o suposto ocorrido. Edenílson deixou o gramado sem conceder entrevistas. O jogo seguiu truncado até o final, com pouca bola e muita discussão no gramado.

Com o empate, o Inter perde a chance de entrar no G4, e fica na oitava posição, com 9 pontos. O Corinthians é líder com 13. Atlético-MG, com 12, Santos, com 10, e Avaí, também com 10 pontos, completam os quatro primeiros na tabela.

O Inter volta à campo pelo Brasileirão no sábado, dia 21, 21 horas, fora de casa, contra o Cuiabá. O Corinthians joga em casa o clássico contra o São Paulo, no domingo, 22, 16 horas.

FICHA TÉCNICA
CAMPEONATO BRASILEIRO 6ª RODADA
INTERNACIONAL 2X2 CORINTHIANS

Local: Estádio Beira-Rio, Porto Alegre-RS
Data e hora: 14/05, 19h
Arbitragem: Braulio da Silva Machado (SC/Fifa), auxiliado por Alex dos Santos (SC) e Thiaggo Americano Labes (SC)
VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Cartão amarelo: Mano Menezes, R. Dourado (Inter); Maycon, Jô, Vitor Pereira (Corinthians)
Gol: Alan Patrick, aos 24min/1ºT, Wanderson, aos 44min/1ºT (Inter) Raul Gustavo, aos 29min/1ºT, Jô, aos 19min/2ºT (Corinthians)

INTER
Daniel; Fabricio Bustos, Gabriel Mercado, Vitão (Moisés) e Renê; Rodrigo Dourado, Edenílson, Carlos De Pena e Alan Patrick (Pedro Henrique); David (Maurício) e Wanderson (Alemão).
Técnico: Mano Menezes

CORINTHIANS
Cássio, Rafael Ramos (Gustavo Mosquito), Gil, Raúl Gustavo e Bruno Melo; Du Queiroz, Maycon (Giuliano) e Renato Augusto (Cantillo), Mantuan, Willian (João Victor) ; Róger Guedes (Jô).
Técnico: Vitor Pereira

Quer receber as principais notícias de Santa Cruz do Sul e região direto no seu celular? Então faça parte do nosso canal no Telegram! O serviço é gratuito e muito fácil de usar. Se você já tem o aplicativo, basta clicar neste link: https://t.me/portal_gaz. Se ainda não usa o Telegram, saiba mais sobre o app aqui e veja como baixar.

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.