Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

ELIMINADO

Em noite de terror no Beira-Rio, Inter perde para o Vitória e cai na Copa do Brasil

Em mais uma noite de terror no Beira-Rio, o Inter foi eliminado da Copa do Brasil após sofrer uma derrota de 3 a 1 para o Vitória da Bahia, clube da Série B do Brasileirão. O novo vexame, após a goleada sofrida no final de semana para o Fortaleza, aumenta ainda mais a crise da equipe colorada.

Os gols saíram na segunda etapa. Com o zagueiro Pedro Henrique expulso, o Vitória abriu o placar com Samuel. Jhonny empatou, mas Eduardo e Guilherme, dois jogadores que saíram do banco, fizeram os gols que deram ao Vitória a classificação na próxima fase.

PRIMEIRO TEMPO

A primeira etapa foi de um Inter dominante no Beira-Rio. A equipe não conseguiu o gol, mas as mudanças no time e no estilo de jogo após a goleada sofrida pelo Fortaleza, pela segunda rodada do Brasileirão, deram resultado.

Aos 4 minutos, Yuri Aberto recebeu uma bola de Thiago Galhardo no meio da área, e o atacante finalizou por cima. A jogada era irregular, o atacante estava em impedimento, mas já dava mostras de que um Inter diferente estava em campo.

O Inter chutou duas vezes pro gol, em conclusões que passaram perto das traves. Aos 12, Taison recebeu na ponta direita e finalizou com perigo. Aos 13 Patrick fez jogada semelhante, pela esquerda, e a bola saiu raspando a trave esquerda do goleiro do Vitória.

O Vitória teve sua chance aos 35 da primeira etapa, quando Ygor Catatau invadiu a área colorada pela direita e tentou cruzar. A bola acabou batendo na trave do goleiro Daniel antes de sair. Aos 36, Yuri Alberto foi lançado por Taison e finalizou da entrada da área pelo lado esquerdo, e o goleiro Lucas Arcanjo, do Vitória, salvou mais uma, tocando para escanteio. Logo após a cobrança do escanteio, Taison dominou de frente pro gol de fora da área e chutu pro gol, parando mais uma vez em Lucas Arcanjo. No escanteio, Yuri Alberto apareceu no primeiro poste para cabecear pro gol, para mais uma defesa do goleiro do time visitante. Aos 45, Moisés tentou abrir o placar ainda no primeiro tempo, mas o chute de longe ficou no travessão, em uma bela cobrança de falta.

SEGUNDO TEMPO

No início da segunda etapa, o Inter perdeu o zagueiro Pedro Henrique, expulso. O jogador, que já havia sido expulso no vexame colorado em Fortaleza, quando o colorado foi goleado por 5 a 1 no Brasileirão, repetiu o erro no Beira-Rio. Aos cinco minutos da segunda etapa, Pedro Henrique foi afastar uma bola da intermediária, e após o chute deixou a perna levantada, acertando Guilherme Santos e recebendo o cartão vermelho. Para refazer a zaga, Thiago Galhardo deixou o time para a entrada de Lucas Ribeiro.

O Inter perdeu mais uma boa chance aos 13 da segunda etapa. Taison foi ao fundo em jogada pela direita e cruzou pra trás para Saravia, que apareceu sozinho na cara do goleiro e chutou fraco, para a defesa do goleiro.

Com um à mais em campo, o Vitória foi para cima, buscar o gol que levava o jogo para os pênaltis.

Aos 24, Dinei chutou forte pro gol de fora da área. A bola pegou no travessão, e no rebote, Samuel estava sozinho na área para cabecear para o fundo do gol e botar o time baiano na frente.

O Inter então sacou Taison e Yuri Alberto, para a entrada de Caio Vidal e Maurício.

O colorado chegou a empatar a partida. Em cobrança de falta de Edenpilson pra área, Patrick cabeceou da esquerda para Cuesta, que tocou pro meio onde chegava Jhonny, que botou a cabeça na bola para empatar a partida.

Mas a alegria colorada durou pouco. Um minuto depois, em mais uma falha defensiva do Inter, o meia Eduardo recebeu na área e cabeceou para fazer Vitória 2 a 1 em pleno Beira-Rio. A partida ia para as penalidades, mas o Inter foi pra cima para tentar o gol e abriu espaços.

Aos 39, Raul cruzou da direita e Guilherme Santos subiu livre para fazer mais um de cabeça e decretar o 3 a 1.

Aos 46, Boschilia, que havia entrado no lugar de Jhonny aos 42, foi expulso por fazer falta para evitar um contra-ataque, sepultando de vez as chances do Internacional, que agora tem pela frente apenas a Libertadores e o Brasileirão em 2021.

O próximo jogo do Inter é dia 13, domingo, contra o Bahia, pelo Brasileirão. A partida inicia as 20h30.

Na mesma data e horário, o Vitória joga contra o Operário, pela Série B do Brasileirão. A equipe da Bahia agora espera o sorteio da CBF para conhecer seu adversário nas oitavas de final da Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA – COPA DO BRASIL
TERCEIRA FASE – JOGO DE VOLTA
INTERNACIONAL 1×3 VITÓRIA

Local: 
Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre
Data: 10/06/2021, quinta-feira
Horário: 21h30
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima
Assistentes: Guilherme Dias Camilo e Frederico Soares Vilarinho (trio mineiro)
Cartões amarelos: Pedro Henrique (Inter); Pablo, Samuel, Marcelo (Vitória)
Cartão vermelho:
Pedro Henrique, Boschilia (Inter)
Gol:
INTER – Jhonny, aos 32min/2ºT; VITÓRIA – Samuel, aos 24min/2ºT, Eduardo, aos 35min/2ºT, Guilherme, aos 39min/2ºT

INTERNACIONAL: Daniel; Saravia, Pedro Henrique, Víctor Cuesta e Moisés; Johnny (Boschilia), Edenilson, Patrick e Taison (Maurício); Thiago Galhardo (Lucas Ribeiro) e Yuri Alberto (Caio Vidal)
Técnico: Martín Anselmi (auxiliar)

VITÓRIA: Lucas Arcanjo; Raul Prata, Marcelo Alves, Wallace e Roberto; Mateus Moraes (David), Gabriel Bispo, Pablo e Soares (Guilherme); Ygor Catatau (Fernando Neto) e Samuel (Eduardo)
Técnico: Ramon Menezes

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.