Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

Distanciamento controlado

Bandeira laranja: Santa Cruz volta para risco médio de contágio da Covid-19

Foto: Bruno Pedry

Santa Cruz do Sul voltou à classificação de bandeira laranja, de risco médio, depois de ficar duas semanas na amarela, de risco baixo, dentro do modelo de distanciamento controlado do Governo Estadual, elaborado para diminuir o contágio do novo coronavírus no Rio Grande do Sul. O município não foi o único a retroceder, sendo acompanhado de Ijuí e Santa Rosa, que agora fazem parte dos municípios em bandeira laranja.

LEIA MAIS: O que muda na região de Santa Cruz com a volta à bandeira laranja

Com a atualização, a nova versão do mapa tem apenas quatro áreas em amarelo – Bagé, Cachoeira do Sul, Pelotas e Taquara –, o restante das regiões está com risco médio. Na atualização divulgada neste sábado, 6, apenas a região de Pelotas apresentou melhora, reduzindo de laranja para amarela.

LEIA MAIS
Secretário reforça importância de manter cuidados
Entenda a modalidade de bufê servido, autorizada pela Prefeitura aos restaurantes


Além de Santa Cruz, a região classificada como R28, engloba o conjunto de cidades do entorno, que são Candelária, Gramado Xavier, Herveiras, Mato Leitão, Pantano Grande, Passo do Sobrado, Rio Pardo, Sinimbu, Vale do Sol, Vale Verde, Venâncio Aires e Vera Cruz.

Conforme o Governo do Estado, Santa Cruz do Sul passou de bandeira amarela para laranja, principalmente, devido ao aparecimento de uma bandeira preta na variação do número de novas hospitalizações (saiu de três para oito entre as duas últimas semanas) e de uma bandeira vermelha na variação do número de leitos de UTI disponíveis para atender Covid-19 na macrorregião (houve redução de 57 para 39).

A responsável pela 13ª Coordenadoria Regional de Saúde, Mariluce Reis, lembrou que “não é só Santa Cruz, são os 13 municípios” da região R28 que passarão a responder pela bandeira laranja. “Nós estamos com a lotação da UTI de Venâncio Aires em quase 100% e se manteve assim a semana toda. Teve um dia que estava com 100% de ocupação. Agora temos que redobrar os cuidados”, disse.

LEIA TAMBÉM
Quais dados compõem a bandeira laranja atribuída à região de Santa Cruz
Mudança na bandeira amplia as perspectivas para o comércio e a indústria

Semana de 8 a 14 de junho | Imagem: Divulgação

LEIA TAMBÉM
Mais 591 casos de Covid-19 são confirmados no Rio Grande do Sul
Pesquisa nacional de prevalência da Covid-19 segue até segunda-feira


As novas bandeiras e os respectivos protocolos que regram o funcionamento de mais de 100 atividades econômicas valem a partir desta segunda-feira, 8, até o próximo domingo, dia 14. Pela quarta semana consecutiva, o Rio Grande do Sul permanece sem bandeira vermelha (risco alto) ou preta (risco altíssimo). Para consultar o mapa com a cor de cada cidade, acesse o site https://distanciamentocontrolado.rs.gov.br.

LEIA MAIS: ACOMPANHE A COBERTURA COMPLETA SOBRE O CORONAVÍRUS

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.