Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

São Paulo

Suzane Von Richthofen pede permissão para cursar faculdade, mas Justiça nega

Suzane Von Richthofen, condenada a 38 anos e seis meses de prisão por matar os pais, teve pedido para fazer curso superior negado pela Justiça de São Paulo. Ela prestou vestibular na Faculdade Anhanguera, em Taubaté, interior de São Paulo, e foi aprovada. No entanto, não poderá fazer o curso de administração. O juízo da Vara de Execuções Criminais da cidade entendeu que não há como garantir a segurança da detenta. 

Desde outubro do ano passado, Suzane está no regime semiaberto, o que lhe possibilitaria frequentar a universidade. No entanto, a decisão levou em conta falta de condições para garantir a segurança da detenta, que ainda está sob tutela do Estado. Ela pediu ao defensor público Rui Freire, responsável pela sua defesa, para entrar com recurso contra a decisão. A expectativa pe que o pedido seja avaliado ainda esta semana.  

Suzane cumpre pena na Penitenciária 1 de Tremembé pelo assassinato dos pais, Manfred e Marísia, em 2002.

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.