Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

SEGURANÇA

Trio de estelionatários é preso em Venâncio Aires

Três suspeitos de estelionato foram presos no fim da tarde desta quarta-feira, 14, na RSC-287, em Venâncio Aires. Os golpistas, vindos de São Paulo, estariam há pelo menos dois dias aplicando golpes no Rio Grande do Sul.

Segundo a Polícia Civil, eles se utilizavam, principalmente, do chamado “golpe do motoboy”: faziam contato telefônico com uma vítima, se identificavam como representantes de uma instituição financeira e diziam que o cartão de crédito dela havia sido clonado e precisava ser bloqueado.

Os golpistas então diziam que um representante da empresa iria até a casa da vítima, para pegar o cartão, a fim de descartá-lo – daí o nome dado à ação. Eles ainda solicitavam a senha do cliente, para que o bloqueio ocorresse.

LEIA TAMBÉM: Caminhões carregados com roupas importadas ilegalmente são apreendidos na BR-290

De posse do cartão e da senha, eles faziam compras fictícias em maquininhas ou transferências para contas. Na tarde desta quarta, eles estariam agindo em Estrela, no Vale do Taquari, onde teriam feito pelo menos duas vítimas.

Após troca de informações com forças de segurança daquela região, a Brigada Militar de Venâncio Aires abordou o veículo em que os homens estavam nas proximidades do trevo de acesso à cidade, por volta de 17h30. No Hyundai HB20 sedan, com placas de Belo Horizonte, os policiais encontraram dez maquininhas de cartão e R$ 3.662,00 em dinheiro.

O carro, que teria sido alugado pelos criminosos, também foi apreendido, assim como os celulares dos suspeitos e comprovantes de depósitos. Os três, que têm 22, 23 e 25 anos de idade, foram presos em flagrante e, após registro na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento, encaminhados à Penitenciária Estadual de Venâncio Aires (Peva).

Eles vão responder por estelionato e associação criminosa. O delegado Vinícius Lourenço de Assunção estima que as ações do estelionatários, em dois dias no Estado, tenham gerado prejuízos de mais de R$ 100 mil às vítimas.

LEIA TAMBÉM: Drogas são apreendidas no pátio da Peva

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.