BRASILEIRÃO 14/10/2020 19h02 Atualizado às 09h08

Com dois de Pepê, Grêmio despacha o Botafogo

Tricolor jogou segunda etapa com um jogador a menos após expulsão de Diego Souza

Na briga para não se distanciar da ponta da tabela, Grêmio e Botafogo se enfrentaram na Arena do Grêmio em Porto Alegre, pela 16ª rodada do Brasileirão.

Sem contar com Brenno, Paulo Miranda e Guilherme Guedes, por lesão muscular, Leonardo, que se recupera de cirurgia no joelho, e David Braz, suspenso, a equipe de Renato Portaluppi contou com mais uma noite inspirada de Pepê para liderar a equipe.

O jogador marcou o segundo e o terceiro gols do Tricolor, que venceu por 3 a 1 e alcançou a 10ª posição na tabela, com 20 pontos, em jogo onde Diego Souza, autor do gol que abriu a vitória, foi expulso e deixou o Tricolor com um jogador a menos na maior parte da segunda etapa.

O próximo compromisso do Grêmio é dia 17 de outubro, sábado, contra o São Paulo, no Morumbi, as 21 horas.

Já o Botafogo vai tentar a recuperação contra o Goiás, em casa, na segunda-feira, dia 19, a partir das 20 horas, no Engenhão.

PRIMEIRO TEMPO

O Botafogo deu dois chutes sem perigo nos minutos iniciais, mas o Tricolor se impôs na sequencia, aumentando a posse de bola com Maicon comandando o meio de campo. O Grêmio controlava o jogo, mas tinha dificuldades em finalizar ao gol.

O Botafogo se postava com duas linhas de quatro jogadores em frente a área, e saía em contra-ataques.

Aos 34 minutos, o Grêmio conseguiu furar a retranca dos visitantes, com a presença de Diego Souza na área. Robinho fez grande jogada na área e cruzou na cabeça do atacante gremista, que marcou seu quarto gol pelo Brasileirão e colocou o Tricolor na frente no placar.

O Botafogo atacava pouco, mas quando chegava, criava perigo para a defesa gremista. Aos 40 minutos, o time carioca levantou uma bola na área do Tricolor e Pedro Raul desviou. A bola ficou viva na área e Matheus Babi completou para o fundo da rede. A defesa do Tricolor pediu impedimento do ataque, mas o árbitro Luiz Flavio de Oliveira confirmou o gol após checagem do VAR.

SEGUNDO TEMPO

O Grêmio voltou do vestiário disposto a conquistar a vitória e “decolar” de vez no Brasileirão. Logo aos dois minutos, o Tricolor passou na frente no placar, com uma bela troca de passes na frente da área, até Pepê fazer o 2 a 1. Maicon iniciou a jogada, Diego Souza recebeu no meio da grande área e fez o pivô, passando na medida para Pepê, que quebrou a linha da defesa e saiu livre para fazer 2 a 1 pro Grêmio.

Mas quatro minutos depois, o Tricolor perdeu seu goleador após lance analisado pelo VAR. Aos seis minutos, Diego Souza disputou a bola com Guilherme Santos. A imagem do lance mostra o atacante do Grêmio chutando o jogador do Botafogo ao cair. Após três minutos de jogo parado, o árbitro Luiz Flavio de Oliveira após conferir o lance com o árbitro de vídeo.

Mesmo com um jogador a mais, o Botafogo pouco conseguiu criar. Aos 11 minutos Rhuan recebeu lançamento na área e tentou uma bicicleta, mas a bola saiu pelo lado direito do gol de Vanderlei.

Mas o Grêmio seguia melhor, e aos 20 minutos ampliou o placar após uma belíssima jogada do ataque. Victor Ferraz foi lançado na área pela direita e deixou Pepê na cara do gol com um passe pelo alto. O jogador desviou de Diego Cavalieri com categoria e marcou o 3 a 1, em um jogo que poderia ser complicado para o time de Renato Portaluppi.

Com o resultado, o Tricolor subiu quarto posições na tabela, e agora soma 20 pontos, e aparece em décimo lugar, mesma pontuação do Sport-PE, que é 9º.

Já a equipe carioca soma 18 pontos e é 14º, três pontos acima do Bahia, que é o 17º colocado, o primeiro na zona de rebaixamento.


FICHA TÉCNICA
BRASILEIRÃO SÉRIE A
16ª RODADA
AO VIVO: GRÊMIO 3X1 BOTAFOGO


Data e horário: Quarta-feira, 14 de outubro, 19h15
Local: Arena do Grêmio, Porto Alegre-RS
Arbitragem: Luiz Flavio de Oliveira (Fifa/SP) , com Danilo Ricardo Simon Manis (Fifa/SP) e Daniel Luis Marques (SP)
VAR: Jose Claudio Rocha Filho (SP)
Cartões amarelos: Matheus Henrique, Maicon, Rodrigues (Grêmio); Guilherme, Matheus Babi (Botafogo)
Cartão vermelho: Diego Souza (Grêmio)
Gols: Diego Souza (Grêmio), aos 34min/1ºT, Pepê, aos 2min/2ºT e aos 20min/2ºT; ;Matheus Babi (Botafogo), aos 40 min/1ºT

GRÊMIO
Vanderlei; Victor Ferraz, Geromel, Rodrigues e Diogo Barbosa; Matheus Henrique, Maicon (Lucas Silva), Robinho (Isaque), Alisson e Pepê (Cortez); Diego Souza.
Técnico: Renato Portaluppi

BOTAFOGO
Diego Cavalieri; Kevin, Sousa (Kelvin), Kanu e Victor Luís; Rentería (Honda), Caio Alexandre (Lecaros), Guilherme (Cícero) e Rhuan (Kalou); Matheus Babi e Pedro Raul.
Técnico: Bruno Lazaroni