Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

sucesso

Brigada Militar zera ocorrências na 36ª Oktoberfest

Foto: Alencar da Rosa

Capitão Rafael coordenou a Operação Oktoberfest

O saldo de zero ocorrência dentro do Parque da Oktoberfest durante a 36ª edição da Festa da Alegria foi comemorado pelos comandantes do 23º Batalhão de Polícia Militar (23º BPM) de Santa Cruz do Sul. Os números foram apresentados nessa terça-feira, 19, pelo major Fábio Vilnei da Silva Azevedo, major Helcio Moisés Segú Gaira e capitão Rafael Carvalho Menezes.

Houve 29 intervenções de fatos como prestação de socorro, crianças que se perderam dos pais, localizações de documentos e outras situações que são computadas. No entanto, o que configurou de fato uma ocorrência de crime foi apenas um furto, que foi cometido fora do parque, de um homem que estava nas proximidades da Rua Galvão Costa, perto do pórtico, quando se deu conta de que o celular havia sido levado da mochila.

LEIA MAIS: Policial militar prende homem que tentava aplicar golpe do ‘cartão clonado’ na mãe dele

A quantidade de policiais militares dentro do parque também chamou a atenção do público. Foram 344 em atuação durante a 36ª Oktoberfest, sendo PMs do 23º BPM, do Comando Regional de Polícia Ostensiva do Vale do Rio Pardo (CRPO/VRP) e do Batalhão de Choque de Pelotas, além de alunos-soldados do polo de ensino de Rio Pardo. Cerca de 50 policiais agiam diariamente dentro do perímetro do parque.

Batalhão de Choque de Pelotas também atuou no evento | Foto: Alencar da Rosa

O Setor de Inteligência do 23º BPM ainda atuou com o auxílio do sistema de câmeras de videomonitoramento e reconhecimento facial, para identificar pessoas suspeitas, foragidas ou até mesmo desaparecidas. “Podemos concluir que foi um sucesso total os números da Operação Oktoberfest deste ano, sob coordenação do capitão Rafael. É importante destacar também os padrões de comportamento dos visitantes, que cumpriram os protocolos”, disse o subcomandante do 23º BPM, major Gaira.

“Como comandante, preciso reconhecer a qualidade do serviço prestado pelos policiais, fruto de um longo planejamento que, face à pandemia, tivemos que aguardar para concluí-lo devido a definições sobre como seria o formato da festividade. O importante é que há de se ressaltar o sucesso absoluto em termos de segurança”, também comentou o comandante do 23º BPM, major Fábio.

Segurança dentro; prevenção fora

A segurança absoluta dentro do parque ainda possibilitou que outras atividades fossem desempenhadas pelos policiais militares no entorno ao evento. “Conseguimos incrementar as adjacências fora do local, com apreensões de armas, drogas e dinheiro de origem ilícita”, salientou o chefe de Inteligência do 23º BPM, capitão Rafael, referindo-se ao primeiro final de semana de festa.

Na ocasião, no dia 9 de outubro, os agentes descobriram que um bando pretendia cometer assaltos na imediações da Oktoberfest. Três homens foram presos em flagrante antes de conseguirem cometer os crimes. Com as informações obtidas nesta ocorrência, ainda foi possível apreender uma pistola 9 milímetros, um revólver calibre 38, 9,6 quilos de maconha, 157,6 gramas de cocaína, 1.895,00 em dinheiro e duas balanças de precisão.

LEIA TAMBÉM: As mudanças proporcionadas pela Oktoberfest

Quer receber as principais notícias de Santa Cruz do Sul e região direto no seu celular? Então faça parte do nosso canal no Telegram! O serviço é gratuito e muito fácil de usar. Se você já tem o aplicativo, basta clicar neste link: https://t.me/portal_gaz. Se ainda não usa o Telegram, saiba mais sobre o app aqui e veja como baixar.

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.