Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

Santa Cruz

Caixa já recebeu denúncias de ocupações irregulares no Residencial Viver Bem

Foto: Lula Helfer

As 922 moradias foram erguidas por meio do Minha Casa, Minha Vida, do governo federal

Passados mais de cinco anos da inauguração do maior projeto habitacional da história da região, a Caixa Econômica Federal confirmou à Gazeta do Sul que já recebeu 16 denúncias de irregularidades contratuais, sobretudo ocupações irregulares, referentes ao Residencial Viver Bem, no Bairro Dona Carlota.

As 922 moradias foram erguidas por meio do Minha Casa, Minha Vida, do governo federal. A lei que institui esse programa, no entanto, proíbe a venda, aluguel, cessão a qualquer título ou doação dos imóveis pelo período de 120 meses. Esse é o prazo contratual das unidades, sem que haja a quitação integral do saldo devedor do imóvel.

LEIA TAMBÉM: Famílias vivem expectativa para ganhar novo lar

Segundo a Caixa, as situações identificadas levaram ao ajuizamento de ações para reintegração de posse e os beneficiários ficam sujeitos a penalidades. Denúncias podem ser registradas por meio do www.caixa.gov.br e dos telefones 0800 726 0101 e 0800 721 6268.

O banco também informou à Gazeta que, até o momento, não há registros de ocupações irregulares no Loteamento Mãe de Deus, no Bairro Santuário. Em outubro do ano passado, as primeiras 116 casas do empreendimento foram entregues.

LEIA MAIS: Definidos os endereços das 163 famílias beneficiadas no Loteamento Santa Maria I

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.