Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

2 a 0

Grêmio vence o Brasiliense em sua estreia na Copa do Brasil

Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O Grêmio estreou com vitória na Copa do Brasil contra o Brasiliense, na tarde desta quarta-feira, 2, na Arena, em Porto Alegre.

Com uma equipe mista em virtude de um surto de Covid-19 que tirou até o técnico Tiago Santos da Casamata já desde a estreia no Brasileirão no final de semana, o destaque do tricolor foi a volta do zagueiro Walter Kannemann, que voltou a fazer a dupla de zaga com Geromel. Ao todo, são dez casos de Covid-19 no Grêmio. Os casos mais recentes divulgados foram do volante Darlan e do auxiliar técnico Evandro Fornari. Com isso, o auxiliar de desempenho Pedro Sotero comandou a equipe gremista na partida contra o Brasiliense.

Com gols de Ricardinho, no primeiro tempo, e Jean Pyerre, na segunda etapa, o tricolor teve um bom desempenho e controlou o jogo nos dois tempos. O tricolor venceu a partida por 2 a 0 e leva a vantagem para o jogo de volta, em Brasília, no dia 10 de junho. No jogo de volta, o Grêmio pode até preder por um a zero que se classifica na disputa, que não conta com o gol qualificado.

PRIMEIRO TEMPO

O tricolor controlou as jogadas ofensivas na primeira etapa. O Grêmio teve chances de abrir o placar logo cedo. Vanderson chutou cruzado na área aos oito minutos. Livre na área, o lateral soltou a bomba e o goleiro Sucuri, do Brasiliense, pulou para espalmar.

Aos 14 minutos, Jean Pyerre chutou de fora da área para rebatida do goleiro. Aos 19, Lucas SIlva foi quem arriscou de longe, e a bola saiu raspando a trave direita do gol do Brasiliense.

Após a metade do primeiro tempo o Brasiliense melhorou e começou a levar perigo para o time gaúcho. Os visitantes tiveram uma sequência de escanteios, e deram trabalho à defesa gremista. Aos 26 Luquinha recebeu uma bola de escanteio na área do Grêmio e chutou com perigo, obrigando Paulo Victor a fazer a defesa.

O tricolor perdeu mais uma oportunidade aos 34. Jean Pyerre acertou o cruzamento na área e Jhonata Robert errou o cabeceio, e a bola cruzou a área e saiu à esquerda do gol.

Na jogada seguinte, o Brasiliense teve a chance de abrir o placar com Luquinhas. O meia recebeu cruzamento da direita, dominou a bola e driblou Geromel na área, e na hora de concluir acertou o lateral Vanderson, que desviou o chute que iria para o gol.

Na reta final do primeiro tempo, o Grêmio abriu o placar com Ricardinho. Jhonata Robert invadia a área após tabelar com Jean Pyerre quando foi derrubado. Seria pênalti para o Grêmio, mas o atacante Ricardinho aproveitou a bola rasteira na pequena área para vencer a marcação e concluir pro gol, e levar o tricolor para o vestiário com a vantagem.

SEGUNDO TEMPO

O tricolor aumentou o placar logo no início da segunda etapa. O goleiro do Brasiliense, Edmar Sucuri, cobrou mal um tiro de meta, e a bola caiu nos pés do atacante Ricardinho. Ele partiu em velocidade para a área adversária, e chutou na saída do goleiro. A bola saiu cruzada para o meio da área e Jean Pyerre apareceu sozinho para completar e fazer Grêmio 2 a 0.

O Brasiliense tentou a reação aos 15 minutos, quando os laterais se encarregaram de montar a melhor jogada ofensiva da equipe. Balotelli, que entrou no time na volta do intervalo, cruzou rasteiro e Diogo apareceu na cara do goleiro do Grêmio para chutar sobre Paulo Victor, que fez grande defesa.

O tricolor seguia dominando a partida. Ricardinho perdeu gol feito aos 19 minutos. Léo Chú fez jogada pela direita e cruzou na medida para o atacante completar com o gol vazio, mas a finalização bateu no travessão.

Aos 28, Jean Pyerre cobrou falta pro gol e tentou acertar o ângulo. O goleiro Sucuri, destaque do Brasiliense na partida, pulou alto para evitar o gol.

Gui Azevedo e Victor Bobsin foram para o jogo no time gremista aos 38. O atacante Churin já havia entrado no Grêmio junto com Léo Pereira aos 25. Aos 42, o Brasiliense mandou pro jogo o meia Jorge Henrique, ex-Corinthians e Inter.

Com a vitória, o Grêmio pode até perder por um gol de diferença no jogo de volta, na quinta-feira, 10, que passa de fase. O Brasiliense precisa de uma vitória por dois gols de diferença para levar a partida para os pênaltis, ou vencer por três gols de diferença para alcançar a próxima fase.

No domingo, 10h30, o tricolor joga a Recopa Gaúcha, contra o Santa Cruz, e deve utilizar mais uma vez um time alternativo. A Rádio Gazeta e o Portal Gaz acompanham o jogo ao vivo.

FICHA TÉCNICA – COPA DO BRASIL
TERCEIRA FASE – JOGO 1
GRÊMIO x BRASILIENSE


Local: 
Arena do Grêmio, Porto Alegre-RS
Data: 02/06/2021, quarta-feira
Horário: 16h30m
Árbitro: Alexandre Vargas (RJ) 
Assistentes: Michael Correia (RJ) e Carlos Henrique Alves (RJ)
Cartões amarelos: Vanderson, Jean Pyerre, Lucas Silva (Grêmio); Badhuga, Goduxo, Zé Love, Lídio, Jorge Henrique (Brasiliense)
Cartões vermelhos:
Gols:
  Ricardinho, aos 43min/1ºT, Jean Pyerre, aos 3min/2ºT

GRÊMIO
Paulo Victor; Vanderson, Geromel, Kannemann, Cortez; Lucas SIlva, Jean Pyerre, T. Santos; Jhonata Robert (Gui Azevedo), Ricardinho (Churin) e Léo Chú (Léo Pereira);
Técnico: Pedro Sotero (Interino)

BRASILIENSE
Sucuri; Diogo, Badhuga, Gustavo, Goduxo (Balotelli); Lídio, Sandy, Peninha (Jorge Henrique), DIdira (Zotti); Luquinhas (Milton Jr.), Zé Love (Romarinho);
Técnico: Vilson Tadei

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.