Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

BRASILEIRÃO

Inter perde de virada em casa

O Internacional voltou a decepcionar sua torcida em pleno Beira-Rio, na noite desta segunda-feira, 6, ao perder para o Atlético Goianiense pelo placar de 2 a 1, na penúltima rodada do Brasileirão. Yuri Alberto abriu o placar na primeira etapa, mas Gabriel Baralhas e Janderson viraram o jogo ainda no primeiro tempo. Foi o terceiro jogo seguido em casa sem vitória. O Inter não vence pelo Brasileirão há cinco partidas, desde a vitória contra o Athletico Paranaense por 2 a 1, dia 13 de novembro.

Com o resultado, o Colorado perdeu duas posições na tabela, e praticamente enterrou suas chances de alcançar a vaga para a Pré-Libertadores no ano que vem, precisando agora de uma vitória contra o Bragantino na última rodada, e tropeços de quatro adversários na próxima quinta-feira, 9, quando ocorre a rodada final do Brasileirão.

No momento, o Inter é 12º colocado na tabela, e fica na zona de classificação para a Copa Sul-Americana no ano que vem.

PRIMEIRO TEMPO

O Inter saiu na frente no Beira-Rio, mas o Atlético Goianiense foi melhor na primeira etapa. O jogo começou lento, e a primeira chegada do Inter foi aos 15 minutos, com um chute fraco de Yuri Alberto, que o goleiro defendeu. Aos 16, Yuri Alberto perdeu mais uma chance ao receber a bola de Moisés e bater de primeira na área, pra fora.

Aos 20, o goleiro Marcelo Lomba salvou o Inter de sair atrás no placar. Rickson recebeu de Marlon Freitas na área e bateu pro gol, e o goleiro colorado fez grande defesa. No minuto seguinte, Lomba espalmou o cabeceio do atacante paraguaio Braian Montenegro, que subiu mais que a defesa após escanteio da esquerda e cabeceou pro gol com perigo. Três minutos depois, em jogada semelhante, o volante Gabriel Baralhas acertou o travessão do Inter após escanteio.

Yuri Alberto seguia perdendo chances. Aos 29, ele tentou “de letra” após cruzamento rasteiro de Edenílson na pequena área,e tocou a bola para fora. Mas aos 32 minutos, o Inter abriu o placar: Moises cruzou da esquerda à meia altura, Edenílson não alcançou e a bola passou dele, e Yuri Alberto chegava na frente do goleiro para desviar com o peito para o fundo da rede e fazer Inter 1 a 0.

Taison teve chance de ampliar aos 41. Ele pegou um rebote de um chute de Yuri Alberto de frente pro gol, e tocou de perna esquerda, mas a bola saiu à direita da meta.

Mas após o gol, o Inter deu espaços, e o Atlético, que já havia tido boas chances de gol no Beira-Rio, foi para cima e virou o jogo ainda na primeira etapa. Aos 44 minutos, Baralhas aproveitou o espaço que teve no meio de campo e chutou pro gol sem marcação. A bola foi no ângulo de Marcelo Lomba, deixando o placar em igualdade.

O Inter parou no jogo e ficou assistindo o Atlético jogar. Dois minutos depois de empatar, os visitantes viraram o placar. Em jogada de Arnaldo pela direita, o jogador cruzou e Janderson completou livre na área pra fazer o segundo gol do Atlético aos 46 minutos, e o primeiro tempo terminou sob vaias da torcida presenta na arquibancada do Beira-Rio.

SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa menos movimentada. O Atlético passou a se defender mais, e o Inter tinha pouco poderio ofensivo para chegar ao gol, mesmo com a entrada de Palacios no lugar do volante Rodrigo Lindoso no intervalo. Maurício, que entrou aos 15 minutos no lugar de Patrick, teve a primeira chance na segunda etapa, apenas aos 16 minutos: após jogada pela direita, ele limpou a marcação mas bateu fraco, de fora da área, para defesa do goleiro do Atlético.

O time visitante quase ampliou aos trinta minutos. O volante Willian Maranhão recebeu passe da direta e invadiu a área, e só não marcou o gol porque a finalização bateu em Bruno Méndez, que evitou o gol com um carrinho, e o chute saiu por cima do gol.

Com mais uma derrota, o Internacional praticamente jogou fora a chance de entrar na Pré-Libertadores. O Inter perdeu duas posições na tabela, para o próprio Atlético Goianiense, e para o Santos, que venceu o Flamengo por 1 a 0 nesta segunda-feira. O Colorado agora é 12º colocado, com 48 pontos, e para alcançar a zona da Pré-Libertadores na última rodada, o Inter precisa vencer o Bragantino fora de casa e ainda torcer por tropeços de América Mineiro, Atlético-GO, Ceará e Santos na última rodada, que estão na sua frente.

A última rodada do Brasileirão é na quinta-feira, 09/12, com todos os jogos iniciando às 21h30.

FICHA TÉCNICA
CAMPEONATO BRASILEIRO – 37ª RODADA
INTERNACIONAL X ATLÉTICO-GO

Local: Gigante da Beira-Rio, Porto Alegre-RS
Data e horário: 6/12, 20h
Arbitragem: Flávio Rodrigues de Souza (Fifa-SP) auxiliado por Alex Ang Ribeiro (SP) e Evandro de Melo Lima (SP)
Cartão amarelo: Palacios, Rodrigo Dourado (Inter); Rickson, Igor Cariús (Atlético-GO)
Gol: Yuri Alberto, aos 33min/1ºT (Inter); Gabriel Baralhas, aos 44min/1ºT, Janderson, aos 47min/1ºT (Atlético-GO)

INTER
 Marcelo Lomba; Saravia (Matheus Cadorini), Bruno Méndez, Víctor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Rodrigo Lindoso (Palacios), Edenilson, Taison e Patrick (Maurício); Yuri Alberto.

ATLÉTICO-GO
Fernando Miguel; Dudu (Arnaldo), Éder, Oliveira e Arthur Henrique (Wanderson); Marlon Freitas (Matheus Barbosa), Willian Maranhão e Rickson (Igor Cariús); Gabriel Baralhas, Brian Montenegro e Janderson (Ronald).

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.