Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

LUÍS FERNANDO FERREIRA

O som que preenche o vazio

Muitas pessoas acham difícil acreditar em milagres. Dizem que é escapismo, distanciamento absurdo da realidade. Mas não é extraordinário o fato corriqueiro de alguém nascer? Um ser humano surge de repente, em um mundo que já existiu bilhões de anos sem ele. Um vazio é preenchido subitamente todos os dias. Coisa banal.

Mas e se isso deixasse de acontecer? O filme Filhos da Esperança, de Alfonso Cuarón, mostra um futuro próximo (o ano é 2027) em que as mulheres perderam a capacidade de gerar filhos. A humanidade vive, então, uma espécie de “depressão pré-apocalíptica” porque não há mais crianças e os dias da espécie estão contados. Porém, surge um motivo de esperança. Uma imigrante ilegal, negra, está grávida na Inglaterra.

Para os personagens, é um fato não só inesperado, mas inexplicável: um milagre, até para os céticos. E se os milagres – ou pelo menos a ideia deles – têm algum propósito, é o de restabelecer a fé no futuro. Isso é essencial.

Lembro do que aconteceu em Belo Horizonte na terça-feira, 2. Uma criança de 11 anos ligou para o 190 e pediu que uma viatura da Polícia Militar fosse até sua casa. O motivo é que ela, a mãe e os cinco irmãos passavam fome. Os policiais pensaram que fosse outro caso de violência doméstica, mas não. Constataram que a família sobrevivia à base de fubá e água. Então foram a um supermercado, compraram alimentos e doaram àquelas pessoas, iniciando uma campanha de arrecadação. Sim, eles não fizeram nada de assombroso, mas trouxeram um pouco de esperança em meio ao vazio.

Pois não é preciso recorrer a milagres sobrenaturais para tanto; bastam nossas energias humanas. Há uma história (chilena, se não me engano) sobre um homem considerado santo. Um dia, chamaram-no para ajudar uma criança que não dormia havia duas semanas. Após falar com os pais, ele saiu à rua e ajoelhou-se de mãos para o alto, no gesto de quem invoca a presença ou pelo menos um sinal de Deus. Nada aconteceu. Resignado, foi então até a cama onde a menina estava, chegou ao lado e disse: “Se você fechar os olhos e dormir, Deus irá aparecer em seus sonhos”. Ela adormeceu minutos depois.

LEIA MAIS TEXTOS DE LUÍS FERNANDO FERREIRA

Quer receber as principais notícias de Santa Cruz do Sul e região direto no seu celular? Então faça parte do nosso canal no Telegram! O serviço é gratuito e fácil de usar. Basta clicar neste link: https://t.me/portal_gaz. Ainda não é assinante Gazeta? Clique aqui e faça sua assinatura!

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.