Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

direitos

Pesquisadoras lançam livro sobre mulheres quilombolas e políticas públicas nesta quinta

Nesta quinta-feira, 25, às 14 horas, será lançado o e-book “Mulheres Quilombolas, Interseccionalidades e Políticas Públicas” (Editora Faith, 2021), organizado pelas professoras Patricia K. Grossi, Simone Bohn, Simone Barros de Oliveira e Joana das Flores Duarte. O lançamento acontecerá durante o seminário Mulheres Quilombolas, Interseccionalidades e Políticas Públicas, realizado na PUCRS. Na oportunidade, também será divulgada uma cartilha informativa sobre mulheres quilombolas e políticas públicas, contendo informações sobre acesso a direitos, rede de proteção, prevenção à violência, lives e documentários sobre quilombos e a questão étnico-racial.

Participam do livro os extensionistas rurais sociais da Emater/RS-Ascar Regina da Silva Miranda, Cordula Eckert, Robson Becker Loeck, Márcia Cristina de Lima Cabral, Maristela Rempel Ebert, Alexandre Ferreira Schimit, Magda Viviane dos Santos Pereira, Gustavo Chaves Alves. Neste e-book, a participação extensionista se dá com o artigo Compartilhando Saberes e Aprendizados: a parceria da Emater/RS-Ascar com o Núcleo de Estudos e Pesquisa em Violência, Ética e Direitos Humanos da PUCRS.

LEIA MAIS: Literatura infantil com protagonistas negros abre novos horizontes

As publicações estão relacionadas à pesquisa Mulheres Quilombolas e Acesso aos Direitos de Cidadania: desafios para as políticas públicas, que teve o apoio financeiro da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs), através do edital PQG 2017 e Edital Universal do CNPq 2018. Essa pesquisa iniciou em 2015, em parceria com a professora doutora Simone Bohn, do Departamento de Ciência Política da York University do Canadá, através do Laps Internationalization Program. O objetivo é compreender as experiências sociais de mulheres quilombolas no âmbito de acesso a políticas públicas e as interseccionalidades de gênero, raça, etnia e geração no Rio Grande do Sul. Conta com a participação de lideranças quilombolas e representantes de organizações quilombolas de âmbito local, regional e nacional.

Confira a programação do seminário:

14 horas – Abertura – Apresentação do livro “Mulheres Quilombolas, Interseccionalidades e Políticas Públicas” e da Cartilha “Mulheres Quilombolas e o Acesso às Políticas Públicas”– Patricia Krieger Grossi – doutora em Serviço Social, PhD, professora adjunta da Escola de Humanidades – PUCRS

14h15 – Painel I: Nada de Nós sem Nós: Vozes quilombolas

Maria Rosalina dos Santos – Liderança quilombola do Quilombo Tapuio, município de Queimada Nova, Piauí, membro da Coordenação Nacional das Comunidades Quilombolas do Piauí, Integrante da Executiva Nacional da CONAQ

Ivonete Carvalho – Liderança Quilombola do Quilombo Vó Fermina e Vó Maria Eulina, município de Restinga Seca, ex-secretária Nacional de Políticas para Povos e Comunidades Tradicionais da Seppir/PR

Vera Lúcia de Souza – Liderança feminina quilombola do Quilombo do Boqueirão, São Lourenço do Sul

Jorge Amaro de Souza Borges – Quilombola do Quilombo dos Teixeiras, de Mostardas, doutor em Políticas Públicas (Ufrgs)

15h15 – Painel II: Tornando o Aprendizado Possível: compartilhando saberes e experiências

Lúcia Regina Brito Pereira – Doutora em História pela PUCRS. vice-presidenta do Codene/RS.

Regina da Silva Miranda – Extensionista rural social de nível superior, nutricionista, coordenadora estadual de Aters com famílias e comunidades de remanescentes de quilombos

Gilberto Manoel Soares – Bacharel em História, produtor Cultural, articulador de Cidadania Negra, fundador do Grupo de Ação Afirmativa Afrodescendente (GAAA) e da Associação Cultura Sawabona Shikoba

16 horas – Painel III: Ampliando as Parcerias de Pesquisa

O Protagonismo Feminino Quilombola e a Luta Social pelo Território: a realidade do Norte e do Sul do pais

Maria Amoras – Doutora em Antropologia Social, professora do curso de Serviço Social da UFPA

Simone Barros de Oliveira – Doutora em Serviço Social pela PUCRS, professora do curso de Serviço Social da Unipampa

16h30 – Debate

17 horas – Encerramento

LEIA MAIS: Dia da Consciência Negra: “atitude racista é ignorância da história”

Quer receber as principais notícias de Santa Cruz do Sul e região direto no seu celular? Então faça parte do nosso canal no Telegram! O serviço é gratuito e muito fácil de usar. Se você já tem o aplicativo, basta clicar neste link: https://t.me/portal_gaz. Se ainda não usa o Telegram, saiba mais sobre o app aqui e veja como baixar.

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.