Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

JF VIGHI

Quarta é o dia

A semana começa com os olhos voltados para a Gaspar Silveira Martins. No histórico Estádio dos Plátanos, teremos, na quarta-feira às 20 horas, o primeiro confronto do Santa Cruz na história da Copa do Brasil. Tudo pode acontecer, mas só a vitória é necessária para seguir em frente. Lembrando, a equipe carijó conquistou a vaga sendo campeã da Copa Ibsen Pinheiro 2020. Wiliam Campos vem trabalhando há um bom tempo a equipe com treinos e amistosos, enfrentando equipes da Série A do Gauchão. O adversário será o Joinville, um dos grandes do futebol catarinense. Uma passagem para a segunda fase do torneio, além de um ganho financeiro, poderá, assim como o Avenida, dar uma representatividade nacional. Estaremos na torcida.

Vitória na Serra

O Renato até foi homenageado em Bento Gonçalves. Como ele mesmo disse: “foi aqui que tudo começou”. O Grêmio demorou um pouco para entrar no jogo, mas logo tomou conta, com destaques para Darlan e Léo Chú. O primeiro gol foi do Thaciano em um grande cruzamento do Vanderson. A entrada de Lucas Araújo deu o toque especial quando o Esportivo tentou reagir. Dele foi o gol de pênalti sofrido por Léo Pereira. Nesta terça-feira, tem o duelo com o Ayacucho que foi goleado na Arena. Ou seja, o Grêmio está na próxima fase da Libertadores da América.

Volta dos titulares

O Inter acenou com o time alternativo e entrou em campo com os titulares. A nova ideia do Miguel Ángel Ramírez acabou sendo prejudicada pelos erros individuais. As alterações no segundo tempo ajudaram na vitória colorada. As novidades foram Danilo Fernandes no gol e a volta do peruano Paolo Guerrero.

LEIA OUTRAS COLUNAS DE J F VIGHI

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.