Close sidebar

Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

Tristeza

Santa-cruzense está fora dos Jogos Olímpicos de Tóquio

A atleta santa-cruzense Fernanda Raquel Borges Martins, do lançamento de disco, que foi teve o doping anunciado no início de julho, e ainda estava inscrita para as Olimpíadas pois aguardava julgamento, está oficialmente fora da lista que está no site do Comitê Olímpico do Brasil (COB). Assim, o número de atletas brasileiros cai para 302. Ela havia garantido vaga em Tóquio ao obter o índice olímpico em abril, quando venceu uma prova nos Estados Unidos com 64,21 metros.

Fernanda Borges, de 32 anos, foi sexta colocada no Campeonato Mundial de 2019, disputado em Doha, no Catar, e prata nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru. Inclusive, ela herdou essa medalha justamente de outra brasileira, Andressa Morais, que testou positivo para a substância anabolizante SARM há dois anos.

A substância proibida que foi detectada no exame divulgado no início do mês é o Ostarine, da classe de agentes anabolizantes, proibido segundo as regras da Wada (Agência Mundial Antidoping). A divulgação foi feita pela Unidade de Integração do Atletismo, uma organização independente que gerencia todas casos de doping e é ligada à World Athletics, mas tem autonomia nesse assunto.

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.