Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

trajetória

SindiTabaco comemora 75 anos em evento nesta segunda-feira

Diretoria do SindiTabaco

Autoridades, lideranças e representantes do agronegócio, estiveram reunidas nesta segunda-feira, 13, no Country Club Santa Cruz, para celebrar os 75 anos do Sindicato Interestadual das Indústrias do Tabaco (SindiTabaco). Fundado em 24 de junho de 1947, em Santa Cruz do Sul, a entidade representa e defende o interesse comum de 14 empresas associadas. O presidente da entidade, Iro Schünke, recebeu os convidados juntamente com a atual diretoria e relembrou momentos marcantes e focos de atuação do SindiTabaco: a sustentabilidade da cadeia produtiva, assuntos regulatórios e visibilidade do setor. 

“Temos como principal objetivo a defesa e o fortalecimento da cadeia produtiva do tabaco, geradora de renda e empregos para milhares de brasileiros, no campo e na cidade. Apesar de ser, em essência, uma entidade representativa da indústria, nossas ações envolvem os produtores integrados e, ao longo dos anos, as ações tornaram-se programas que passaram a impactar de forma positiva não somente aqueles que vivem o dia a dia deste importante segmento, mas a sociedade como um todo. Tornaram-se modelo para outros setores do agro, inclusive”, destacou Schünke. 

LEIA TAMBÉM: Projeto que prevê classificação do tabaco na propriedade deve ser votado na próxima semana

De acordo com o executivo, são muitos os exemplos de iniciativas que têm inspirado outras cadeias produtivas e setores. Do incentivo ao reflorestamento e preservação da mata nativa, à proteção a criança e do adolescente, além de iniciativas voltadas à logística reversa e à saúde e segurança do produtor, nesses 75 anos e, em especial, nas últimas três décadas, a inovação e o pioneirismo pautaram as ações do sindicato, voltadas a áreas que, atualmente, são referidas como ESG – sigla para Environmental, Social and Governance (Ambiental, Social e Governança).  

“Temos inciativas à frente da legislação e que já completam duas a três décadas de existência. Seguiremos inovando na busca de práticas que assegurem a manutenção da qualidade e a integridade do produto, para que sigamos na liderança do mercado mundial de tabaco”, projetou Schünke, que encerrou com otimismo: “Rumo aos 100!” 

LEIA TAMBÉM: SindiTabaco orienta para uso de produtos recomendados no tabaco; veja vídeo

O evento seguiu com a participação de Augusto Nunes, jornalista reconhecido pela trajetória em diversas redações do país, e Paulo Andreoli, CEO da MSL na América Latina, que conduziram um diálogo sobre o cenário político e econômico, abordando temas relevantes para os convidados.

LEIA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO PORTAL GAZ

Quer receber as principais notícias de Santa Cruz do Sul e região direto no seu celular? Então faça parte do nosso canal no Telegram! O serviço é gratuito e fácil de usar. Basta clicar neste link: https://t.me/portal_gaz. Ainda não é assinante Gazeta? Clique aqui e faça sua assinatura!

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.