Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

DIRETO DA REDAÇÃO

Um domingo para torcer pelo Galo

Este final de semana reserva mais um desafio esportivo para uma agremiação de Santa Cruz do Sul, duas semanas após o União Corinthians ter colorido (de novo) o Brasil de verde no basquete. O mais do que centenário Futebol Clube Santa Cruz, o Galo, que tantas façanhas já registra em sua história, destaca-se para, representando o futebol do interior do Rio Grande do Sul, encarar o Grêmio, em plena Arena, na partida única da final da Recopa Gaúcha. A disputa da taça coloca frente a frente o campeão gaúcho de 2020 e o campeão da Copa da Federação Gaúcha de Futebol (FGF), disputada no segundo semestre de cada ano, título no ano passado vencido com muita propriedade pelo Galo, ao derrotar o São José na final, em cobranças de pênaltis.

Desse modo, neste fim de semana tem-se mais uma decorrência muito positiva daquela conquista, pois o título da Copinha já permitira ao Galo disputar a Copa do Brasil, tendo recebido o Joinville, enfrentamento no qual foi eliminado em virtude do empate em zero a zero, que favoreceu os catarinenses. A final da Recopa credencia o Santa Cruz a agregar ainda mais visibilidade, uma vez que a partida, em horário um tanto incomum, às 10h30, terá transmissão pela TV. Mas, se será possível conferir o jogo na tela, vale silenciar o volume do aparelho de TV e sintonizar, isso sim, na sempre eletrizante transmissão a ser feita pela Rádio Gazeta FM 107,9, denominada “A Voz Forte do Esporte”.

Se para o Galo constitui momento sublime na trajetória, não será diferente para nosso colega narrador esportivo Mateus Machado. Os ouvintes da Rádio Gazetajá se acostumaram com seu vozeirão, tanto na narração de jogos da dupla Gre-nal ou da dupla Ave-cruz quanto nos programas líderes de audiência que conduz junto à 107,9e ainda junto à Rádio Gazeta FM 101,7. Mas justamente neste domingo, na final da Recopa Gaúcha, Mateus fará sua estreia em transmissão de jogo a partir da Arena.

De lá, de uma das cabines da Arena do Grêmio, ele soltará a voz, para chegar a ouvintes de todos os recantos, na companhia do repórter Adriano Júnior, que detalhará tudo da beira do campo, e do comentarista Marcos Rivelino, com Zenon Rosa no plantão. Tem tudo para ser jornada épica. Torcedores do Galo, santa-cruzenses, cultores do futebol do interior gaúcho, ficamos todos na torcida para que Mateus, em sua primeira vez na Arena, conte para nós mais uma façanha do F.C. Santa Cruz. Quem duvidaria de que o Galo, com humildade, mas com determinação, não poderá levantar a taça? No domingo, em plena hora de almoço, saberemos!

E, independente de resultado, uma coisa é certa: só por estar lá, numa final com tal importância e visibilidade, dirigentes, equipe técnica e atletas do Santa Cruz já merecem efusivos cumprimentos. Solta a voz, Mateus! Boa sorte, Galo! Bom final de semana!

LEIA OUTRAS COLUNAS DE ROMAR BELING

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.