Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

A voz do povo...

VÍDEOS: conheça os artistas mais votados para vir à 37ª Oktoberfest

Fotos: Divulgação

O resultado da enquete do Portal Gaz sobre os shows preferidos pelo público para a 37ª Oktoberfest gerou reações diferentes. Enquanto parte do público comemorou os nomes, outros ficaram na dúvida sobre quem são alguns dos artistas menos conhecidos na região. Se você não sabe quem são alguns dos cantores e duplas, não se preocupe: a gente conta! Confira abaixo um pequeno histórico de cada artista e ouça uma canção de cada, para já entrar no clima da especulação.

O levantamento não tem influência sobre a definição das apresentações, mas ocorre no momento em que são negociadas as atrações com a produtora GDO. Os nomes foram elencados a partir de comentários dos próprios leitores do Portal Gaz e ouvintes da Rádio Gazeta 107,9 FM e da Gazeta FM 101,7, em publicação nas redes sociais. Estas citações formaram uma lista de 30 artistas, que foram escolhidos pelo público em uma enquete, que somou quase 80 mil votos.

LEIA MAIS: Saiba quem são os 10 artistas que o público quer ver na 37ª Oktoberfest; veja porcentagem dos 30 mais citados

1 – Henrique e Juliano

Os irmãos Ricelly Henrique Tavares Reis e Edson Alves dos Reis Junior, mais conhecidos como Henrique e Juliano, cantam desde a infância, incentivados pelo pai. Eles são naturais da cidade de Palmeirópolis, no Tocantins, e começaram a se apresentar nas rádios da cidade. Em 2012, ao se mudarem para Goiânia, começaram a profissionalizar as apresentações. O primeiro DVD veio em 2013. “Não Tô Valendo Nada” foi um dos primeiros sucessos da dupla.

No YouTube, os dois têm mais de 14 milhões de inscritos e, desde junho de 2009, acumulam 11,7 bilhões de visualizações. No Instagram, somam 13,8 milhões de seguidores. A dupla tem mais de 9,1 milhões de ouvintes mensais no Spotify, onde a música Arranhão (veja abaixo) configura entre as mais populares, junto com “Erro Planejado”, “A Maior Saudade”, “Acordo” e “Minha Cópia Atual”. Henrique e Juliano já vieram à Oktoberfest em 2015 e 2018, quando lotaram a arena de shows.

2 – Gusttavo Lima

Com mais de 12 anos de carreira, Gusttavo Lima é conhecido entre os fãs como “Embaixador”. O cantor, cujo nome de batismo é Nivaldo Batista Lima, começou a carreira oficialmente em 2010, com o álbum “Inventor dos Amores”. Antes disso, ainda em 2009, “Rosas, Versos e Vinhos” foi um dos primeiros sucessos do cantor.

No YouTube, Gusttavo Lima soma mais de 18,9 milhões de inscritos e 11,3 bilhões de visualizações, desde 2010, quando o canal foi criado. No Spotify, são 9,6 milhões de ouvintes mensais. Além disso, Gusttavo Lima tem 43,2 milhões de seguidores no Instagram. Entre as músicas mais populares atualmente estão “Ficha Limpa”, “Nota de Repúdio”, “Bloqueado” e “Não Me Arranha”. O artista já esteve na Oktoberfest em 2018.

3 – Zé Neto e Cristiano

A amizade de José Toscano Martins Neto e Irineu Táparo Vaccari começou muito antes da dupla Zé Neto e Cristiano. Os dois foram criados no interior de São Paulo e se tornaram amigos ainda na infância. Enquanto Zé Neto sempre esteve envolvido com a música por influência da família e inspirado no sertanejo raiz, Cristiano participava de corais na igreja. A carreira começou em 2011, quando formaram a dupla. O primeiro DVD foi gravado em 2015 e, desde então, somam oito álbuns lançados.

A dupla já esteve em Santa Cruz do Sul para shows na Oktoberfest em duas oportunidades, em 2018 e 2019. Atualmente, as músicas mais tocadas no Spotify são “Ela e Ela”, “Você Beberia ou Não Beberia?”, “Vamo Tomar Uma”, “Melhor Ser Uma Saudade” e “Estelionato Afetivo”. No streaming, a dupla tem 7,7 milhões de ouvintes mensais, enquanto somam 13,2 milhões de seguidores no Instagram. No YouTube, são 14,6 milhões de inscritos e 10,1 bilhões de visualizações de vídeos.

LEIA MAIS: Shows da Oktober: quem pode animar a Festa da Alegria neste ano

4 – Maiara e Maraísa

Uma das maiores duplas do sertanejo feminino no Brasil, Maiara e Maraísa também estão no topo da lista dos artistas mais queridos pelo público da Oktoberfest. As artistas já fizeram show na Oktoberfest em 2018. A carreira, no entanto, começou bem antes, em 1995. As irmãs gêmeas cantavam desde os 5 anos e sempre foram influenciadas pelo sertanejo. Pela dificuldade do mercado, chegaram a cantar Pop sob o nome de “Geminis”, mas acabaram retornando às raízes e ao sertanejo.

O primeiro DVD foi gravado em 2015, em Goiânia, e logo se tornaram um sucesso. Algumas canções já viraram hit de cara, como “10%” e “Medo Bobo”. Hoje, algumas das canções mais tocadas da dupla são do projeto “Patroas”, em parceria com Marília Mendonça, como “Esqueça-Me Se For Capaz”, “Todo Mundo Menos Você”, “Presepada” e “Não Sei o Que Lá”. No YouTube, as irmãs têm 9,1 milhões de inscritos e somam mais de 5,5 bilhões de visualizações. No Spotify, são 8,5 milhões de ouvintes mensais, enquanto somam 11,9 milhões de seguidores no Instagram.

5 – Jorge e Mateus

Os goianos Jorge Barcelos e Mateus Liduário, da cidade de Itumbiara, no interior de Goiás, também já estiveram na Oktoberfest, em 2017. A dupla foi formada em 2005, quando os dois artistas foram apresentados por um amigo em comum. Iniciaram a carreira com shows em bares e boates, gravando o primeiro DVD em 2007. Na discografia, já somam 13 álbuns e muitos sucessos.

Atualmente, no Spotify, as músicas mais populares da dupla são “Troca”, “Molhando o Volante”, “Namorando com Saudade” e “Me Ame Mais”. No streaming, os dois têm 8,8 milhões de ouvintes mensais. No Instagram, a dupla soma 18 milhões de seguidores, enquanto, no YouTube, são 14,4 milhões de inscritos e 7,6 bilhões de visualizações.

6 – Zé Felipe

José Felipe Rocha Costa tem a paixão pela música no sangue. Filho de Poliana Rocha e do cantor Leonardo, Zé Felipe nasceu em 1998 em Goiânia e, desde criança, já demonstrava gosto pela arte musical. Em 2009, aprendeu com o pai os primeiros acordes do violão e, no ano seguinte, começou a viajar com o pai pelo Brasil em turnê. O lançamento da carreira aconteceu em 2014. A partir daí, Zé Felipe lançou diversas canções e parcerias, mesclando o sertanejo e o pop mais recentemente.

Nas redes sociais, é famoso também pelo relacionamento com a influenciadora Virgínia Fonseca. No Instagram, Zé Felipe tem 23,6 milhões de seguidores. Ao longo da carreira, emplacou músicas como “Só Tem Eu”, “Não Me Toca”, “Tiro Certo”, “Toma Toma Vapo Vapo” e “Senta Danada”. No Spotify, são mais de 8,2 milhões de ouvintes mensais, além de 7,2 milhões de inscritos no YouTube e 2,1 bilhões de visualizações dos vídeos publicados. Zé Felipe nunca esteve na Oktoberfest e seria um dos rostos mais jovens se confirmado para a 37ª Festa da Alegria.

LEIA TAMBÉM: Oktoberfest negocia até cinco shows nacionais para a programação

7 – Alok

Enquanto Zé Felipe seria novidade na Oktoberfest, Alok já tem público fiel na terrinha: já tocou na Festa da Alegria em 2015, 2016 e 2017. Alok Achkar Peres Petrillo nasceu em 1991 em Goiânia, filho dos DJs Ekanta Jake e Swarup (Juarez Petrillo), pioneiros da música eletrônica no Brasil. Ele tem um irmão gêmeo, Bhaskar, também DJ, com quem Alok chegou a formar uma dupla – é uma família eletrônica. Em 2010, decidiu seguir carreira solo.

Um dos maiores sucessos da carreira, “Hear Me Now”, foi lançada em 2016 e lançou o artista ao mercado internacional. No Spotify, “Piece Of Your Heart”, “Don’t Say Goodbye” e “Love Again” são algumas das canções mais populares. No streaming, são 19,2 milhões de ouvintes mensais. No Instagram, Alok tem 27,3 milhões de seguidores. No YouTube são 6,44 milhões de inscritos e 1 bilhão de visualizações.

8 – Pedro Sampaio

Pe-dro Sam-pa-io, vai! Tem muito público querendo cantar esse nome junto com o cantor na 37ª Oktoberfest. Pedro do Espírito Santo Sampaio é um DJ e cantor carioca de 24 anos. O gosto pela música começou cedo, aos 13 anos. Aos 17, entrou para o time de artistas de Dennis DJ e iniciou a carreira artística. Teve grande alcance nacional pelas redes sociais, lançando versões remixadas de músicas de outros artistas e ganhando visibilidade. Alcançou mais destaque em 2019, depois do lançamento de “Sentadão” e, hoje, emplaca diversos hits no TikTok.

Atualmente, as músicas mais populares de Pedro Sampaio, com parcerias e como artista principal, são “Galopa”, “Dançarina”, “Atenção” e outras. No Instagram, o artista tem 4,7 milhões de seguidores. No YouTube, acumula 1,1 bilhão de visualizações e 3,6 milhões de inscritos. O carioca nunca esteve na Oktoberfest e seria uma aposta em um público mais jovem e pop.

9 – Barões da Pisadinha

Deixando o sertanejo e o pop de lado, o público também quer ouvir forró piseiro na Oktoberfest. Isso porque está no top 10 da lista a banda Os Barões da Pisadinha, formada por Rodrigo Araujo Neves e Felipe Santana Mota em dezembro de 2015. A banda já tinha sucesso nas regiões Norte e Nordeste, mas se destacou recentemente a nível nacional, depois que Neymar gravou um vídeo dançando uma música da dupla.

Entre os maiores hits da banda no Spotify estão “Zero Saudade”, “Senta Danada” e “Ele é Ele, Eu Sou Eu”, em parcerias com outros artistas, e “Tá Rocheda”, primeiro sucesso nacional dos artistas. No streaming, são 5,9 milhões de ouvintes mensais. A banda acumula 3,6 milhões de seguidores no Instagram, 5,5 milhões de inscritos e 3,9 bilhões de visualizações dos vídeos publicados. Também seria a primeira vez dos Barões da Pisadinha na Oktoberfest.

10 – Grupo Menos é Mais

Também tem lugar para pagode na Oktoberfest. O Grupo Menos é Mais é uma das maiores promessas do gênero atualmente, com quatro anos de estrada. O grupo é formado por cinco integrantes: Duzão (vocalista), Gustavo Goes (percussionista), Jorge Farias (percussionista), Paulinho Félix (percussionista) e Ramon Alvarenga (percussionista).

No Instagram, o grupo tem 2,2 milhões de seguidores, enquanto, no YouTube, somam 3,3 milhões de inscritos. Entre as canções mais populares do Spotify, está “Pot-Pourri: Melhor Eu Ir / Ligando Os Fatos / Sonho de Amor / Deixa Eu Te Querer”, além de “Vai Me Dando Corda” e “Amor Falsificado”. Atualmente, são 4,4 milhões de ouvintes mensais na plataforma de streaming. Caso seja confirmada na Oktoberfest, a atração viria a Santa Cruz pela primeira vez.

LEIA TAMBÉM: “Amo a Oktober e acho que ainda posso contribuir”, afirma Roberta Pereira

Quer receber as principais notícias de Santa Cruz do Sul e região direto no seu celular? Então faça parte do nosso canal no Telegram! O serviço é gratuito e muito fácil de usar. Se você já tem o aplicativo, basta clicar neste link: https://t.me/portal_gaz. Se ainda não usa o Telegram, saiba mais sobre o app aqui e veja como baixar.

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.