Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

PLANEJAMENTO

Votação da Consulta Popular é prorrogada até 15 de dezembro

A pedido dos Conselhos Regionais de Desenvolvimento (Coredes), foi ampliado o período para a população votar na Consulta Popular 2021. Previsto para se encerrar em 30 de novembro, o prazo agora termina em 15 de dezembro. O voto pode ser realizado por meio do aplicativo Colab ou pelo site da Consulta Popular. O processo de votação começou em 22 de novembro.

Instituída em 1998 pelo governo do Rio Grande do Sul, a Consulta Popular permite aos votantes que definam diretamente parte dos investimentos a constarem no orçamento estadual. Neste ano, o valor disponibilizado será de R$ 30 milhões para as 28 regiões dos Coredes. A verba é distribuída de acordo com critérios, como a população de cada região e o Índice de Desenvolvimento Socioeconômico (Idese).

LEIA TAMBÉM: Corede Vale do Rio Pardo já contabiliza quase 4 mil votos na Consulta Popular

Para ampliar a segurança da votação na Consulta Popular, seja pelo aplicativo ou pelo site, o sistema criado para o pleito em 2021 ganhou uma nova camada de segurança, com exigência de informação do número do CPF, título de eleitor e data de nascimento. A iniciativa possibilita mais transparência nas votações e a lisura do pleito. Após cadastro e com base nas informações prestadas, haverá direcionamento automático para a cédula do Corede correspondente ao domicílio eleitoral. Cada eleitor poderá votar em apenas uma proposta, sendo selecionada aquela com maior número de votos.

O presidente do Corede/VRP, Heitor Álvaro Petry, destaca que a ampliação do prazo de votação é importante para que possam ser atingidos os índices mínimos. “Esperávamos a prorrogação num prazo menor, mas o governo resolveu dar um período maior. Temos este tempo maior para podermos manter a mobilização por mais votos”, cita.

Na parcial liberada por volta das 16 horas desta segunda-feira, 29, o Vale do Rio Pardo soma 5.573 votos de um total de 45.648 votos no Estado. O Corede daqui ainda segue na primeira posição, seguido pelo Vale dos Sinos, com 3.049 votos. Ainda não atingiram o índice mínimo de 2% dos eleitores os municípios de Encruzilhada do Sul, General Câmara, Pantano Grande, Rio Pardo, Santa Cruz do Sul, Venâncio Aires e Vera Cruz.

Em 2021, na primeira fase, a Consulta Popular recebeu mais de mil ideias enviadas por cidadãos. As propostas foram selecionadas após o término do prazo de envio, com base em uma análise técnica, a partir de critérios como viabilidade de execução, orçamento, competência, afirma o governo.

Parciais por município

  • Arroio do Tigre: 292
  • Boqueirão do Leão: 133
  • Candelária: 481
  • Encruzilhada do Sul: 289
  • Estrela Velha: 79
  • General Câmara: 75
  • Herveiras: 96
  • Ibarama: 130
  • Lagoa Bonita do Sul: 153
  • Mato Leitão: 450
  • Pantano Grande: 136
  • Passa Sete: 201
  • Passo do Sobrado: 235
  • Rio Pardo: 425
  • Santa Cruz do Sul: 662
  • Segredo: 201
  • Sinimbu: 279
  • Sobradinho: 208
  • Tunas: 83
  • Vale do Sol: 320
  • Vale Verde: 83
  • Venâncio Aires: 249
  • Vera Cruz: 313

LEIA TAMBÉM: Corede Vale do Rio Pardo é o primeiro colocado na parcial da Consulta Popular

Quer receber as principais notícias de Santa Cruz do Sul e região direto no seu celular? Então faça parte do nosso canal no Telegram! O serviço é gratuito e muito fácil de usar. Se você já tem o aplicativo, basta clicar neste link: https://t.me/portal_gaz. Se ainda não usa o Telegram, saiba mais sobre o app aqui e veja como baixar.

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.